Estrangeiro é preso por aplicar “Golpe do Dinheiro Preto” em SC

Vítimas eram enganadas com cédulas pintadas de preto, onde o estelionatário afirmava que sairia após uma lavagem com solução química

Um homem, de 44 anos, foi preso nesta sexta-feira (16), em São José, na Grande Florianópolis, por praticar um golpe conhecido como “Dinheiro Preto”.

Provas apreendidas pela Polícia CivilHomem é preso por aplicar “Golpe do Dinheiro Preto” em Santa Catarina – Foto: Polícia Civil/Divulgação/ND

Segundo a DIC (Delegacia de Investigação Criminal) de São José, o estelionatário, natural de Angola, percorria todos os Estados brasileiros escolhendo suas vítimas, de preferência, que pretendiam vender produtos de alto valor ou que colocavam suas empresas à venda, geralmente em sites da internet.

Em seguida, ele se mostrava interessado na compra, propondo o pagamento em moeda “pintada”. Por ser estrangeiro, ele fazia que as vítimas acreditassem que as notas eram verdadeiras, mas que foram pintadas apenas para passarem pela alfândega brasileira sem serem detectadas.

Ainda segundo a Polícia Militar, o estelionatário afirmava que era necessário colocar as notas em solução química junto com algumas notas verdadeiras para a retirada da tinta preta.

Nesta sexta-feira (16), os policiais estavam monitorando o homem e o abordaram e prenderam em flagrante no exato momento em que iniciava os procedimentos sugeridos para lavagem das notas.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.

+

Polícia