Falsa médica que aplicou golpes em SC é levada para PF de Curitiba

Mulher de 46 anos foi presa após o caminhão de mudança, em que ela estava junto com a filha, parar no posto da Polícia Rodoviária Federal

Médica, veterinária e até farmacêutica. Com mais de 30 diplomas falsos, uma mulher, de 46 anos, foi presa em flagrante e levada a Polícia Federal de Curitiba na quinta-feira (30). Ela é acusada de aplicar golpes financeiros e exercício ilegal de profissão em várias cidades, inclusive na região Norte de Santa Catarina, como Barra Velha.

Mulher tinha mais de 30 diplomas falsos que usava para dar golpes financeiros em comerciantesDiplomas falsos e vários golpes financeiros em comerciantes são algumas das denúncias contra a mulher – Foto: PRF/divulgação/ND

Com mais de 66 registros de ocorrência contra a mulher, ela foi presa por volta das 16h no posto da PRF (Polícia Rodoviária Federal), próximo a São Mateus do Sul, no Paraná.

Segundo policiais rodoviários, a prisão aconteceu no momento em que um caminhão de mudança parou no local e o motorista, junto com a esposa, avisaram os policiais sobre as suspeitas da mulher.

Dentro do caminhão, estavam a mulher e a filha, de sete anos. Elas iriam se mudar para São Mateus do Sul.

O motorista desconfiou da mulher após ela dar várias versões sobre a rotina dela e, principalmente, pelo fato que ela, primeiro, iria se mudar para uma cidade no Norte de Santa Catarina. Mas durante a viagem, a mulher pediu ao motorista para ir à São Mateus do Sul, onde teria familiares na cidade.

No Norte de Santa Catarina, há registros de casos de golpes em comerciantes em Barra Velha. Inclusive, a mulher também tem registros em outros estados, como no Mato Grosso.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia

Loading...