FOTO: Bandidos causam apagão em hospital de Rio dos Cedros

A ação aconteceu na noite de quarta-feira e foi descoberta na manhã de quinta-feira pela diretoria do hospital

Ladrões invadiram o Hospital Dom Bosco, em Rio dos Cedros, na noite de quarta-feira (2). Os bandidos tentaram furtar os fios de cobre na sala de gerador de energia do hospital. Por sorte, ninguém se feriu.

Bandidos arrombaram porta da sala de gerador do hospital para furtar fios de cobre em Rio dos Cedros – Foto: Polícia Militar/ Divulgação/ NDBandidos arrombaram porta da sala de gerador do hospital para furtar fios de cobre em Rio dos Cedros – Foto: Polícia Militar/ Divulgação/ ND

Ao chegar no hospital pela manhã, o diretor do Hospital Dom Bosco, Fábio Reis disse que encontrou as portas da sala do gerador arrombadas e imediatamente ligou para o eletricista para saber se foi ele que tinha deixado as portas daquela forma.

“Acreditávamos que teria sido uma queda de energia e após ter ligado para o eletricista, descobri que ele não tinha arrombado. Portanto, foi nesse momento que descobrimos a tentativa de furto”, explica.

De acordo com Fábio, a unidade ficou duas horas sem energia. O técnico da Celesc esteve no local para fazer o ligamento da luz na noite do ocorrido, e por vídeo chamada conversou com o eletricista do hospital para fazer os procedimentos.

Os cabos da rede foram rompidos e o gerador que abastece a unidade em casos de falta de luz foi desligado. Fábio acredita que os bandidos tenham se assustado com as faíscas geradas pelos equipamentos na central elétrica e por isso fugiram sem levar nada.

“Encontramos fios de cobres enrolados no chão, tenho certeza de que era isso que tentaram furtar do hospital, principalmente agora que estamos em obras”, ressalta.

Segundo o administrador, no momento em que o hospital ficou sem energia havia cerca de dez pessoas internadas, entre elas uma gestante que iria passar por cesárea, e outras dez no pronto-socorro.

Recomeço após o susto

Mesmo sem energia os atendimentos foram mantidos, mas sem condições de usar equipamentos ligados à rede elétrica. “Graças a Deus não tinha ninguém intubado e não deu nenhuma emergência nesse período” desabafa.

Para reforçar a segurança do hospital, o diretor explica que haverá mais iluminação no pátio e câmeras de segurança no local. Além disso, para garantir o reabastecimento do hospital, a Celesc fez uma ligação direta da rede na tarde desta quinta-feira (3) até que o sistema danificado tivesse sido consertado.

Conforme as informações do diretor, o prejuízo foi menor do que se os ladrões tivessem conseguido levar os fios, que são caros.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Blumenau e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia

Loading...