FOTOS: conheça a futura geração de cães da Polícia Militar de Blumenau

Os aspirantes a guardiões da segurança pública são dois filhotes da raça Pastor Belga, que ainda vão passar por treinamento

Eles são pequeninos e esbanjam fofura. Mas não se engane, essa dupla das fotos abaixo tem uma missão que não é para qualquer um. Eles vão ajudar na segurança pública de Blumenau.

Os dois filhotes machos da raça Pastor Belga são os mais novos integrantes do canil da Polícia Militar. Tão novos que ainda não deu tempo de decidir como serão chamados.

Eles vieram fruto de uma doação da iniciativa privada e têm uma longa jornada até poderem combater o crime nas ruas. É que o treinamento leva em média um ano e meio.

Isso porque trata-se de um processo individual com cada cão, feito pelos próprios policiais militares no dia a dia do batalhão, explica o o tenente Roberto Gassenferth.

“Inicia com a socialização, onde são apresentadas várias situações do trabalho policial e da vida canina. Posteriormente, começam a ser apresentados os processos de faro, até que se obtenha uma maturidade na qual o cão possa passar a ser empregado no serviço operacional”, diz.

Polícia Militar de Blumenau terá dois novos integrantes no canil para combate ao crime - Giovanni Silva/PM/Divulgação
1 4

Polícia Militar de Blumenau terá dois novos integrantes no canil para combate ao crime - Giovanni Silva/PM/Divulgação

Polícia Militar de Blumenau terá dois novos integrantes no canil para combate ao crime - Giovanni Silva/PM/Divulgação
2 4

Polícia Militar de Blumenau terá dois novos integrantes no canil para combate ao crime - Giovanni Silva/PM/Divulgação

Polícia Militar de Blumenau terá dois novos integrantes no canil para combate ao crime - Giovanni Silva/PM/Divulgação
3 4

Polícia Militar de Blumenau terá dois novos integrantes no canil para combate ao crime - Giovanni Silva/PM/Divulgação

Polícia Militar de Blumenau terá dois novos integrantes no canil para combate ao crime - Giovanni Silva/PM/Divulgação
4 4

Polícia Militar de Blumenau terá dois novos integrantes no canil para combate ao crime - Giovanni Silva/PM/Divulgação

Os veteranos

Até os filhotes estarem prontos para o serviço, quem está na labuta é outra dupla. Apollo, se tudo correr bem, ainda deve ter mais um ano e meio ou até dois na ativa. Isso depende da saúde e do desempenho dele.

Ayra, por sua vez, é uma cadela ainda bem jovem, mas já está apta para atuar no serviço operacional. Ela ainda tem uma longa jornada junto à Polícia Militar de Blumenau.

Acesse e receba notícias de Blumenau e região pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Polícia