Homem é condenado por estupro de vulnerável em Águas de Chapecó

Crime ocorreu no início de 2021 e o acusado foi condenado a mais de 22 anos de prisão; ele não tem direito de responder em liberdade

Um homem de 34 anos foi condenado a mais de 22 anos de prisão pelo crime de estupro de vulnerável, em Águas de Chapecó, no Oeste de Santa Catarina. A sentença foi proferida na Comarca de São Carlos.

Idade da vítima e relação com o criminoso não foram informadas pela Polícia Civil. – Foto: Reprodução/InternetIdade da vítima e relação com o criminoso não foram informadas pela Polícia Civil. – Foto: Reprodução/Internet

Segundo informações da PC (Polícia Civil) de Águas de Chapecó, o crime teria ocorrido no início de 2021. O caso chegou a conhecimento dos policiais após denúncias. A idade da vítima e a relação com o investigado não foram informadas pela PC.

Após diversas diligências, a prisão preventiva foi deflagrada no dia 1º de fevereiro. Com a finalização do Inquérito Policial o MPSC (Ministério Público de Santa Catarina) ofereceu a denúncia.

Após pouco mais de seis meses de tramitação do processo, o Poder Judiciário definiu a sentença condenando o investigado. O condenado não poderá recorrer em liberdade e se encontra preso desde a deflagração da operação da Polícia Civil.

Conforme a PC, apesar destes crimes serem, em regra, cometidos em ambientes ocultos e com poucas ou nenhuma testemunha eles não estão livres da prestação jurisdicional e consequente punição pelos crimes praticados.

A polícia ressalta a importância da denúncia, seja ela anônima ou pessoal, bem como o comparecimento às instituições da justiça para testemunhar os fatos presenciados.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia

Loading...