Homem é morto a tiros em Chapecó após briga entre namorada e esposa

Homicídio aconteceu na noite de terça-feira (4), no bairro Presidente Médici; suspeito é um jovem de 17 anos

Uma briga entre duas mulheres e um homem terminou em homicídio na noite desta terça-feira (4), em Chapecó, no Oeste catarinense. O crime aconteceu na rua Osvaldo Aranha, no bairro Presidente Médici, por volta das 19h30. A vítima, um homem de 29 anos, foi morto após ser atingido por três tiros.

As mulheres envolvidas na briga, eram a esposa, de 39 anos, e a namorada, de 33 anos, do homem que morreu. De acordo com a polícia, a esposa teria pedido para seu filho, um adolescente de 17 anos, ir até a casa onde a confusão estava acontecendo para “matar” a vítima. Mãe e filho fugiram do local e ainda não foram localizados.

Homem foi morto a tiros na rua Osvaldo Aranha, no bairro Presidente Médici – Foto: Google Street View/Divulgação NDHomem foi morto a tiros na rua Osvaldo Aranha, no bairro Presidente Médici – Foto: Google Street View/Divulgação ND

A polícia disse ter ido até o local da briga duas vezes. Na primeira delas, o homem e as mulheres disseram não ter solicitado atendimento. Cerca de 20 minutos depois, os policiais retornaram e encontraram a vítima já sem vida.

A namorada do homem possuía medida protetiva contra o homem, porém eles reataram o relacionamento. Segundo informações da polícia, a esposa descobriu que o marido reatou o namoro com a outra mulher e foi até a casa dele. Foi então que a briga começou.

No meio da confusão, a esposa ligou para o filho. “Ela teria dito que era para ele pegar a pistola e matar”, consta no relatório da polícia.

A vítima não percebeu a chegada do jovem de 17 anos ao local e foi baleada na cabeça. Já no chão, o homem ainda levou mais dois tiros.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.

+

Polícia