Homem gasta mil reais em prostíbulo e forja assalto para a esposa não descobrir

Ele procurou a polícia e mentiu sobre o assalto, mas no final acabou assumindo onde tinha gastado o dinheiro e queria esconder da esposa

Um homem foi preso nesta quarta-feira (10), em Belo Horizonte, Minas Gerais, por falsa comunicação de crime. Ele procurou a PM (Polícia Militar) para relatar que havia sido roubado na passarela que liga uma rodoviária ao bairro Lagoinha, na Região Noroeste da capital. Porém ao se contradizer nas declarações, acabou assumindo que teria inventado o crime pois gastou muito dinheiro em um bordel.  

O homem foi relatar assalto, mas acabou preso. – Foto: Divulgação/ Governo de MGO homem foi relatar assalto, mas acabou preso. – Foto: Divulgação/ Governo de MG

O homem de 44 anos, foi até a base da PM, localizada na Praça Rio Branco, próxima à rodoviária, dizendo que havia sido roubado por dois rapazes armados e que os supostos autores teriam levado mil reais e um celular.

A polícia iniciou a busca pelos assaltantes e solicitaram as gravações de câmeras do Olho Vivo e da Estação de Metrô Lagoinha, mas não acharam nenhum flagrante do crime.  

Segundo a polícia, foi perguntado mais uma vez para o homem sobre o crime, porém ele entrou em contradições e assumiu ter gastado mil reais em um prostíbulo da rua Guaicurus.

Como gastou todo o dinheiro em um programa, outro programa foi pago com seu celular, deixando ele sem o dinheiro e o aparelho.

Para justificar a falta do dinheiro e do celular para a esposa, ele inventou o assalto. Também encontraram com o homem, escondido nas suas partes íntimas, algo semelhante à maconha. Ele ficará à disposição da polícia, para mais esclarecimentos.

+

Polícia

Loading...