Idosa leva dez facadas do neto e é levada ao hospital em estado grave em Orleans

Idosa de 63 anos está internada em estado grave na Fundação Hospitalar Santa Otília, em Orleans; o jovem de 23 anos foi preso pela PM caminhando pela SC-108 logo após o crime

Uma idosa de 63 anos ficou gravemente ferida após o neto dela, de 23 anos, a acertar com ao menos 10 facadas em Orleans, no Sul catarinense. A Polícia Militar (PM) conseguiu prender o jovem. Ele alegou que a avó o teria chamado de ‘bandido’ e por isso a esfaqueou.

A PM foi acionada por volta das 12h deste domingo (26), após a idosa dar entrada na Fundação Hospitalar Santa Otília, em Orleans. Uma testemunha relatou aos policias que teria auxiliado a idosa e, também, havia levado duas facadas.

PM prendeu o jovem de 23 anos em flagrante após ele ter esfaqueado a avó em Orleans- Foto: Giovanni Silva/ArquivoPM prendeu o jovem de 23 anos em flagrante após ele ter esfaqueado a avó em Orleans- Foto: Giovanni Silva/Arquivo

De acordo com a PM, ele relatou que ouviu a idosa pedir socorro e foi ajudar. Ao abrir a porta, encontrou a idosa caída e o neto dela segurando uma faca. O jovem, então, o esfaqueou duas vezes, causando ferimentos leves. Já que a faca estava quebrada.

Após o fato, o jovem teria saído tranquilamente a pé em direção à São Ludgero.  Após rondas, a PM encontrou o homem de 23 anos na SC-108, em Orleans, ainda com marcas de sangue. Ele foi preso em flagrante e levado à Central de Plantão Policial (CPP) em Criciúma.

O jovem disse que esfaqueou a avó, pois ela havia o chamada de ‘bandido’. A Polícia Civil agora investiga o caso.  A idosa segue internada em estado grave e havia perdido muito sangue, já que uma das facadas acertou o pescoço.

+

Polícia

Loading...