Idoso armado morre após brigar com vizinhos e apontar arma para policiais em Xanxerê

Confusão ocorreu na noite desta sexta-feira (22) no bairro Leandro; idoso tinha 80 anos e estava com outras 11 munições calibre .22 no bolso

Um idoso de 80 anos morreu em um confronto com a PM (Polícia Militar) após uma confusão entre vizinhos no município de Xanxerê, no Oeste de Santa Catarina. O caso foi registrado na noite desta sexta-feira (22), no bairro Leandro.

Arma foi apreendida pela Polícia Militar. – Foto: Polícia Militar/Divulgação/NDArma foi apreendida pela Polícia Militar. – Foto: Polícia Militar/Divulgação/ND

Segundo informações da PM, os policiais foram acionados para atender uma ocorrência de disparos de arma de fogo em via pública. No local, um homem informou que estava na rua com seu compadre, sua comadre e os filhos deles, quando o idoso, que era seu vizinho, começou a gritar sem motivo.

Após os gritos, conforme relatório policial, o idoso teria sacado uma arma de fogo e disparado contra os vizinhos na rua. Todos saíram correndo para se defender. O modelo da arma não foi informado no relatório.

Os policiais avistaram o suspeito dos disparos em sua casa empunhando a arma. De acordo com a PM, por diversas vezes, foi dada voz alta e clara para que ele largasse a arma. Porém, ao ver os policiais, ele teria apontado a arma tentando efetuar um disparo.

Conforme o relatório policial, foi necessária uma ação rápida, com dois tiros para conter a agressão. Após os disparos, a arma foi retirada do idoso e o Corpo de Bombeiros Militar foi acionado para atendimento. O local que os tiros atingiram também não foi informado.

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) também esteve no local e constatou a morte do idoso. A PC (Polícia Civil) e o IGP (Instituto Geral de Perícias) foram acionadas para realizar perícia no local. No bolso da calça do idoso foram encontradas 11 munições de calibre .22. O caso deve ser investigado.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia

Loading...