Impasse por terreno pode deixar Saltinho sem novo quartel da PM

Vereadores precisam votar a aprovação de doação da área, mas ainda não há consenso já que a intenção seria destinar o terreno para ampliação de uma creche

O local de construção de um novo quartel da PM (Polícia Militar) virou polêmica no município de Saltinho, no Extremo-Oeste de Santa Catarina. O terreno oferecido pelo município desagradou parte dos vereadores da cidade, que precisam aprovar a doação da área, mas  ainda não entraram em consenso.

Terreno fica ao lado da creche municipal. – Foto: Divulgação/NDTerreno fica ao lado da creche municipal. – Foto: Divulgação/ND

A área destinada pela Prefeitura de Saltinho fica ao lado do CEI (Centro de Educação Infantil Tia Floripa), a 50 metros de um posto de saúde,  a 150 metros de uma escola estadual e a 200 metros de uma escola municipal.

Para o sargento Alexandro Freitas, comandante da PM, o espaço ficaria localizado em um ponto estratégico para a segurança pública. “É um ponto de fácil acesso a qualquer área da cidade em caso de necessidade de saída rápida”, acrescenta.

Porém, no entendimento do presidente da Câmara de Vereadores de Saltinho, Altemar Zimmermann, o terreno oferecido pelo município deveria ser destinado para a construção de uma área de esportes ao lado da creche.

“Ninguém é contra a construção do quartel. É uma construção importante para o município, principalmente para a segurança pública, mas o terreno escolhido pela prefeitura e a polícia gostaríamos de destinar para a construção de um mini ginásio ao lado da creche. Uma luta que vem de anos”, explica.

A Câmara de Vereadores afirma que fez a indicação de outro terreno ainda no ano passado, mas o local não teria sido aprovado pelo comando militar. A justificativa, segundo o comandante da PM, é porque o terreno sugerido pelos vereadores não seria adequado para a construção do novo quartel pois precisaria de muitos ajustes o que aumentaria o valor do investimento.

Terreno fica ao lado da creche municipal. – Vídeo: Divulgação/ND

Impasse

Diante da situação, Zimmermann ressalta que a intenção dos vereadores era ter discutido a área de doação antes da elaboração do projeto de construção, mas, ainda assim, o projeto está na pauta da sessão desta quinta-feira e será colocado em discussão. Não havendo discussão, será colocado para votação.

Edimar Noronha de Freitas (PT), prefeito de Saltinho, afirma ser favorável à construção do quartel no terreno ao lado da creche. Edimar entende que a estrutura dará melhores condições para a corporação desenvolver os trabalhos no município.

Uma sessão da Câmara de Vereadores deve discutir nesta quinta-feira (24) sobre a situação do terreno.

Terreno fica ao lado da creche municipal. – Foto: Divulgação/NDTerreno fica ao lado da creche municipal. – Foto: Divulgação/ND

A obra

Os recursos para a construção do quartel, estimado em R$ 300 mil, serão viabilizados pela Secretaria de Segurança Pública do Estado, segundo o prefeito. “Temos convênios em parceria e somamos esforços para melhorar a segurança pública do município”, acrescenta Edimar, que pretende assinar um termo de cessão de uso da área.

O projeto arquitetônico está pronto e, caso ocorra a aprovação da doação do terreno ao lado da creche, a documentação deve ser encaminhada para análise da Procuradoria Geral do Estado. “Acredito que em uns 30 ou 60 dias vai para a licitação da empresa para assinatura da ordem de serviço. Acontece que se não for até abril, não podemos mais em razão do ano eleitoral”, manifesta o comandante.

Atualmente, a base da Polícia Militar está localizada em um prédio alugado pelo governo catarinense. “Em 2021 quase tivemos que sair, pois houve divergência entre o proprietário e o Estado no que tange ao reajuste.”

Diversas ações preventivas e ostensivas são realizadas pela PM em Saltinho – Foto: PM/Divulgação/NDDiversas ações preventivas e ostensivas são realizadas pela PM em Saltinho – Foto: PM/Divulgação/ND

Localização

Com uma população de quase quatro mil habitantes, conforme o último Censo, o município de Saltinho está localizado no Extremo-Oeste Catarinense, distante 620 km de Florianópolis.

O município faz limite com Campo Erê, São Bernardino, Irati, Sul Brasil, Bom Jesus do Oeste, Serra Alta e Santa Terezinha do Progresso. A rodovia SC-160 corta a cidade e por isso há recorrentes apreensões de contrabando e descaminho, como vinho e outros produtos, além de crimes envolvendo tráfico e consumo de drogas.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia

Loading...