Jovem de 20 anos morre após ser esfaqueado em Rio dos Cedros

Segundo informações da Polícia Militar, antes de cometer o crime, o suspeito teria esfaqueado outro jovem enquanto tentava localizar a vítima

Um jovem de 20 anos morreu após ser esfaqueado durante a noite desta sexta-feira (15) em Rio dos Cedros, no Vale do Itajaí. O caso foi registrado por volta das 22h25, dentro de um estabelecimento comercial, no bairro Cruzeiro.

A vítima foi identificada como Willian Guilherme Debacker, natural de Benedito Novo. Ele chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital Dom Bosco, em Rio dos Cedros, mas não resistiu ao ferimento e veio a óbito.

Willian Guilherme Debacker era natural de Benedito Novo – Foto: Arquivo Pessoal / Redes SociaisWillian Guilherme Debacker era natural de Benedito Novo – Foto: Arquivo Pessoal / Redes Sociais

Uma testemunha ouvida pela Polícia Militar disse que estava com Willian no momento do crime. Ele contou aos policiais que foi acompanhado da vítima até o estabelecimento comercial para comprar bebidas. Enquanto estava no caixa ouviu um tumulto, ao se virar viu o suspeito dizendo à Willian: “isso não foi pra te matar, foi só pra tu ficar ligado”.

Na sequência o jovem viu a vítima com a mão no peito e sangrando. Ainda segundo o relato, a testemunha levou Willian no próprio veículo até o hospital.

Ainda segundo informações da Polícia Militar, antes de cometer o crime, o suspeito teria esfaqueado outro jovem enquanto tentava localizar a vítima. A testemunha relatou aos policiais que estava em casa quando foi surpreendido pelo autor.

Ele buscava por Willian. Como não conseguiu encontrá-lo, desferiu dois golpes de faca contra a testemunha, que recebeu atendimento médico e passa bem.

Suspeito identificado

Com base no relato das  testemunhas, os policiais conseguiram identificar o suspeito. Foram realizadas buscas em locais que ele costuma frequentar e no imóvel onde reside. Porém, ele não foi encontrado. A Polícia Civil já investiga o caso.

Acesse e receba notícias de Blumenau e região pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Polícia