‘Judeus, inimigos do cristo’: Polícia investiga autores de inscrições nazistas em Piçarras

Além de símbolos nazistas, pichações atacavam e ameaçavam judeus no bairro Itacolomi

Os bombeiros de Balneário Piçarras procuraram a Polícia Civil para denunciar pichações com simbologias nazistas e ataques aos judeus em um posto Guarda-vidas no bairro Itacolomi. As imagens repercutiram na manhã desta quinta-feira (8).

Os bombeiros querem identificar os responsáveis pelas pichações que ameaçavam o povo judeu. “No caso dos judeus é com violência” dizia uma das inscrições e outra ainda afirmava: “Judeus inimigos do cristo”.

Bombeiros denunciaram inscrições nazistas em posto guarda-vidas – Foto: Reprodução redes sociais/NDBombeiros denunciaram inscrições nazistas em posto guarda-vidas – Foto: Reprodução redes sociais/ND

Além das ameaças, duas suásticas foram desenhadas a carvão nas paredes, perto de uma delas estava: “sem violência”. Além de uma estrela de Davi, símbolo do judaísmo.

Divulgação de símbolos nazistas e racistas é crime tipificado na Lei n° 7.716/89, no artigo 20: “praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional’. A pena é de prisão de um a três anos e multa.

Além disso, é crime ‘fabricar, comercializar, distribuir ou veicular símbolos, emblemas, ornamentos, distintivos ou propaganda que utilizem a cruz suástica ou gamada, para fins de divulgação do nazismo”.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Itajaí e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia

Loading...