Mulher condenada por estupro da neta se escondia em Morro da Fumaça, no Sul de SC

A mulher estava foragida do Poder Judiciário do Rio Grande do Sul e se escondia na cidade do Sul de SC

Uma mulher de 54 anos condenada pelo estupro da neta foi presa pela Polícia Civil (PC) em Morro da Fumaça. Ela estava foragida da Justiça do Rio Grande do Sul e se escondia no município do Sul de Santa Catarina.

Mulher estava escondida em Morro da Fumaça, após o marido ter sido executado em Porto Alegre  – Foto: Divulgação/Polícia Civil/NDMulher estava escondida em Morro da Fumaça, após o marido ter sido executado em Porto Alegre  – Foto: Divulgação/Polícia Civil/ND

A prisão foi efetuada pela Polícia Civil de Morro da Fumaça, com apoio de agentes da PC de Urussanga. A mulher vivia em Porto Alegre (RS) e fugiu para Morro da Fumaça, após o marido dela ter sido executado na capital gaúcha.

O casal foi condenado no estado gaúcho por estupro de vulnerável contra a neta de nove anos. Após a prisão ela foi encaminhada para o Presídio Feminino de Criciúma. Após, será encaminhada para o Rio Grande do Sul para cumprir a pena.

+

Polícia

Loading...