Identificada mulher encontrada morta dentro de mala em SC

Vítima é Elizabete Guerreira da Silva, de 26 anos, moradora de Criciúma; Polícia Civil busca autor e motivação para crime brutal

O IGP (Instituto Geral de Perícias) identificou, nesta quarta-feira (28) a mulher encontrada morta dentro de uma mala em um rio em Içara. Trata-se de Elizabete Guerreira da Silva, de 26 anos. Ela era moradora de Criciúma. Agora a Polícia Civil concentra as investigação nas busca da autoria e das motivações para o crime.

Rio estava sendo limpo quando o operador de máquinas encontrou uma mala com o corpo da mulher dentro em Içara – Foto: Divulgação/NDRio estava sendo limpo quando o operador de máquinas encontrou uma mala com o corpo da mulher dentro em Içara – Foto: Divulgação/ND

O operador de máquinas Franks Alan Cardoso realizava a limpeza de um rio com uma retroescavadeira quando encontrou a mala dentro do rio na comunidade de Rio dos Anjos no município do Sul de Santa Catarina, nesta terça-feira (27).

“Quando eu consegui abrir a mala por cima com a concha da escavadeira meio que se abriu o corpo. Abri com a concha perna e vi que era uma mulher. Então sai e liguei para a polícia”, contou o operador de máquinas que encontrou o corpo, Franks Alan Cardoso.

Diversas marcas de violência foram encontradas na vítima e ela estava com um saco preto na cabeça. De acordo com a Polícia Militar (PM), o corpo apresentava marcas no pulso que provavelmente foram amarrados, roxo na parte interna da coxa direita e vermelhidão no pescoço.

“Tinha saco plástico preto na cabeça e ela estava envolvida acho que com um saco transparente no corpo, bem amarrado”, relatou o operador de máquinas.

A Polícia Civil e o IGP foram acionados e fizeram a perícia no local em que o corpo foi encontrado. Até a noite desta terça-feira (27) os esforços da investigação se concentravam na identificação da mulher. Agora, a polícia busca a autoria e as motivações para o crime.

+

Polícia

Loading...