Mulher ouve barulho, se depara com invasor e mata homem no Centro de Florianópolis

A mulher será ouvida, formalmente, na tarde desta segunda-feira (4); homem não resistiu e morreu no local

A manhã de domingo (3) foi marcada por uma invasão a um estabelecimento comercial e um homicídio no Centro de Florianópolis. Uma mulher atirou em um homem enquanto ele tentava invadir seu estabelecimento na rua Nunes Machado, por volta das 8h20. A suspeita será ouvida nesta segunda-feira (4) pela Polícia Civil.

Em defesa, mulher atira em homem que tentou entrar em seu comércio na Capital – Foto: Google Street View/Reprodução/NDEm defesa, mulher atira em homem que tentou entrar em seu comércio na Capital – Foto: Google Street View/Reprodução/ND

De acordo com a Polícia Militar, a mulher de 26 anos estava sozinha em casa quando ouviu o vidro quebrar no andar de baixo, onde está localizado seu comércio. Quando foi verificar, se deparou com um homem tentando invadir o estabelecimento.

Em defesa, ela pegou uma arma antiga que possuía em casa e disparou na direção do ladrão. O homem, não identificado até a manhã desta segunda-feira (4), morreu no local. A mulher foi encaminhada para a 5ª Delegacia de Polícia, no bairro Trindade.

Segundo o delegado Ênio Matos, da Delegacia de Homicídios da Capital, em tese, a mulher agiu em legítima defesa. O caso será investigado como tentativa de furto, com reação da vítima. A Polícia Civil segue investigando.

Criminalidade em Florianópolis

Em abril, uma ação desenvolvida pela GMF (Guarda Municipal) orientou os comerciantes do centro da Capital sobre a segurança do comércio e importância em registrar os crimes por meio dos boletins de ocorrência.

A motivação foram as constantes reclamações de arrombamentos e pequenos furtos em estabelecimentos na região central de Florianópolis. A ideia foi minimizar impactos em relação a ações criminosas, principalmente, no período noturno.

Segundo o coronel Araújo Gomes, secretário de Segurança Pública da Capital, é por meio do registro do boletim de ocorrência que as autoridades conseguem traçar o perfil dos crimes e implementar estratégias, mais focadas, na prevenção.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia

Loading...