O que se sabe até agora sobre assalto a agência bancária de Porto Belo

Crime em plena luz do dia chocou moradores e movimentou forças de segurança nesta quarta-feira (22)

O assalto a uma agência de cooperativa de crédito em Porto Belo na manhã desta quarta-feira (22) chocou moradores da cidade litorânea. Muitas informações, algumas delas falsas, foram compartilhadas a todo momento em grupos e nas redes sociais.

O que sabe até agora sobre o assalto a banco em Porto Belo – Foto: Paulo Metling/NDTVO que sabe até agora sobre o assalto a banco em Porto Belo – Foto: Paulo Metling/NDTV

Até o momento, os suspeitos do crime não foram encontrados. Apenas um carro, usado no assalto, foi encontrado abandonado no bairro Perequê. Equipes da Polícia Civil, Bombeiros, Polícia Militar e IGP (Instituto Geral de Perícias) estão no local.

Segundo as forças de segurança, três suspeitos teriam participado do assalto: dois foram flagrados pelas câmeras de segurança da agência entrando no local com armas que parecem fuzis e chutando uma porta de vidro. Um terceiro teria ficado do lado de fora.

Assista o momento que os assaltantes chegam na agência:

Câmera de segurança flagrou ação dos assaltantes – Vídeo: Reprodução/ND

Funcionários da agência foram rendidos e forçados a dar dinheiro e objetos aos assaltantes. A polícia ainda não informou a quantia roubada. Ninguém ficou ferido.

Assaltantes rendem funcionários de agência de cooperativa de crédito – Vídeo: Reprodução/ND

Vários vídeos circulam da suposta prisão dos dois assaltantes. No entanto, a PRF (Polícia Rodoviária Federal) informou que a prisão não tem relação com o assalto. Na verdade, se trata de uma coincidência, já que as duas ocorrências aconteceram praticamente ao mesmo tempo. Os homens presos pela PRF são acusados de furto de carga.

Explosivo?

Vídeos circulam ainda de que, junto com o carro abandonado, um Chevrolet/Cruze, teria sido deixado uma bomba. Segundo a polícia, o protocolo tratar esse tipo de objeto com segurança. O BOPE (Batalhão de Operações Policiais Especiais) foi acionado e confirmou que não se tratava de um explosivo.

PM, Polícia Civil, Bombeiros e BOPE foram acionados para a ocorrência – Foto: Paulo Metling/NDTVPM, Polícia Civil, Bombeiros e BOPE foram acionados para a ocorrência – Foto: Paulo Metling/NDTV

O Cruze usado no assalto teria sido roubado em Lages, e não estava com as placas originais. Cerca de 50 policiais militares, 15 civis e duas viaturas do Corpo de Bombeiros Militares foram empenhadas na operação.

*Com informações do repórter Paulo Metling, da NDTV

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Itajaí e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia

Loading...