Oito guardas municipais são afastados temporariamente após agressão em Tubarão

Os agentes foram afastados das ruas durante o processo administrativo que tem prazo de 30 dias

Os oito agentes da Guarda Municipal de Tubarão, no Sul do Estado, que foram flagrados por um vídeo de câmera de segurança agredindo um homem já imobilizado, foram afastados nesta segunda-feira (22).

De acordo com o procurador do município de Tubarão, Marivaldo Pires, se trata de um afastamento temporário, eles vão continuar trabalhando, mas não na parte externa, de atendimento ao público.

Vídeo que flagra abordagem policial teve grande repercussão – Foto: Reprodução/NDVídeo que flagra abordagem policial teve grande repercussão – Foto: Reprodução/ND

Marivaldo Pires informa que o afastamento vale durante o tempo do processo administrativo, que em um primeiro momento, tem prazo de 30 dias. “No final do processo administrativo, cada um vai ser penalizado de acordo com o ato praticado”.

“As penalidades podem ir desde uma mera advertência até uma demissão, dependendo da apuração dos fatos e da defesa de cada um”, explica o procurador.

Leia também:

Além disso, há um inquérito policial aberto junto à Polícia Civil de Tubarão, que irá apurar a prática de crimes por parte dos agente públicos.

Relembre o caso

Oito agentes públicos aparecem em um vídeo, que ganhou as redes sociais, imobilizando um homem que teriam desacatado os guardas. A prefeitura optou por instaurar um processo administrativo.

A ação foi registrada na segunda-feira, dia 15 de junho, em um estacionamento no Centro da cidade. Já no chão, o homem recebe alguns golpes de cassetete nas pernas. Ao final do vídeo, uma outra pessoa surge na rampa da garagem e é possível ver seis guardas municipais. Confira:

02 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
  • alire da silva prates
    alire da silva prates
    INFELIZMENTE , É ISSO AI BANDIDO,DESCLALIFICADO USANDO UNIFORME,PARA COMENTER CRIME CONTRA A POPULAÇÃO INDEFESSA
  • Paula Tejando
    Paula Tejando
    Esses em específico são bandidos de farda. Policial honesto é o que faz o seu papel de forma firme, mas sem ser bandido. Aliás, essa é a diferença entre polícia e bandido. Bandido faz bandidagem, e esses aí flagrados pelas câmeras fizeram bandidagem!

+ Polícia