Operação Fogo Amigo apreende diversas armas em Santa Catarina

Ação investiga grupo suspeito de atuar no comércio ilegal de armas de fogo; foram cumpridos mandados de busca a apreensão em quatro cidades do estado

A Polícia Civil, por meio da DIC de Brusque (Divisão de Investigação Criminal), deflagrou nesta quarta-feira (27) a “Operação Fogo Amigo” que investiga um grupo suspeito de atuar no comércio ilegal de armas de fogo em Santa Catarina. Foram cumpridos oito mandados de busca a apreensão nas cidades de Brusque, Nova Trento, Canelinha e Urubici.

Operação da Polícia Civil apreende oito armas em Brusque – Foto: Divulgação / Polícia Civil de BrusqueOperação da Polícia Civil apreende oito armas em Brusque – Foto: Divulgação / Polícia Civil de Brusque

Ao todo foram apreendidas oito armas de fogo, 54 munições e outros materiais. Dois homens também foram detidos em flagrante por posse e comércio ilegal de arma de fogo. Eles foram encaminhados à Unidade Prisional Avançada de Brusque, onde permanecerão à disposição da justiça.

Segundo a Polícia Civil, as investigações iniciaram há aproximadamente dois meses. Entre os investigados está um policial militar, razão pela qual a operação foi batizada de “Fogo Amigo”.

>> Leia também: Operação Opus: facção criminosa é condenada a mais de 195 anos de prisão

A ação contou com apoio de policiais civis de Blumenau, Gaspar, Nova Trento, São João Batista, Guabiruba e Botuverá. Ainda segundo a polícia, as investigações devem continuar, com o objetivo de identificar a participação de outros envolvidos.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Blumenau e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.

+

Polícia