Operação no RS prende 8 traficantes e acaba em motel de Chapecó

Uma tonelada de maconha e quatro veículos foram apreendidos pela polícia. Um policial foi atropelado e sofreu ferimentos graves durante a operação em Palmeiras das Missões

Um operação que iniciou na madrugada de terça-feira (20) em Palmeira das Missões, no Rio Grande do Sul, terminou na tarde desta quarta-feira (21) em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina. Oito pessoas foram presas, além de uma tonelada de maconha e quatro automóveis apreendidos.

Maconha apreendida com o grupo – Foto: PRF/ND

De acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal), policiais do sistema de inteligência receberam informações sobre quatro veículos, uma Ranger, uma Amarok, uma S10 e um Voyage, que estariam sendo utilizados por uma organização criminosa na BR-468, no estado gaúcho. 

Os quatro automóveis foram localizados na rodovia, porém, durante a abordagem, os motoristas tentaram fugir. Os criminosos bateram os veículos e ainda atropelaram um policial rodoviário federal, que teve ferimentos graves, mas está fora de perigo.

Veículos se envolveram em acidentes – Foto: Brigada Militar/ND

Um dos traficantes foi preso no momento da abordagem e outros cinco durante as buscas, que contaram com a participação de várias forças de segurança.

O sétimo criminoso foi preso na noite de quarta-feira em um motel em Chapecó. Ele estava com um comparsa que o havia resgatado.

Dentro da Ranger, que era roubada, foi encontrada quase uma tonelada de maconha. Todos os veículos utilizavam placas clonadas. Os oito presos são paranaenses, todos com antecedentes policiais, com idades entre 29 e 41 anos. 

As investigações ficarão a cargo da Polícia Federal, que contará com o apoio do serviço de inteligência da PRF para identificar o restante da quadrilha.

O policial atropelado foi encaminhado para atendimento médico em um hospital do Rio Grande do Sul. Ele passou por cirurgia e não corre risco de morte. 

+

Polícia