Polícia investiga negligência na queda de menino em atração do Beto Carrero; veja detalhes

Primeiras diligências apontam para uma fatalidade, mas negligências são investigadas pela polícia

A polícia investiga possíveis negligências após a queda de Enzo, de 6 anos, de uma estátua de gorila no Parque Beto Carrero World, em Penha. Com o registro do boletim de ocorrência, o ND+ falou com exclusividade com o delegado responsável pelo caso, Rodolfo Farah.

O delegado começa explicando o motivo da investigação não ter começado imediatamente após o acidente. “Estava aguardando se os pais da criança iriam falar comigo, já que eles são os responsáveis, ou se eu teria que instaurar o inquérito por ofício”, detalhou.

Imagem reproduz gorila de estátua onde menino caiu – Foto: Reprodução/Instagram/NDImagem reproduz gorila de estátua onde menino caiu – Foto: Reprodução/Instagram/ND

A polícia investiga o caso no âmbito de lesão corporal, por conta da gravidade dos ferimentos da criança. Enzo segue internado desde o último sábado (19) na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do hospital Pequeno Anjo, em Itajaí, após sofrer traumatismo craniano. Ele passou por uma cirurgia e respira com a ajuda de aparelhos.

“Já estávamos atentos ao caso, então começamos a levantar algumas informações por fora, mas aguardamos o pai da criança oficializar a denúncia para oficializarmos a investigação”, disse Farah.

Fatalidade

O delegado destaca que as primeiras diligências apontam para uma fatalidade. No entanto, são investigadas possíveis negligências por parte do parque e da família da criança.

“As pessoas estão querendo antecipar uma situação, colocando uma culpa no parque que não existe. O parque é um local de atrações e o que aconteceu ali, aparentemente, foi uma fatalidade”, disse.

Farah reforça a apuração da postura dos pais e do parque em todo o contexto do acidente. “Agora, nós vamos analisar as informações para ver se realmente foi uma fatalidade, ou se houve falhas que ocasionaram esse acidente. Uma falha que pode inclusive ser dos pais da criança, não é só o parque que pode acabar sendo responsabilizado pela questão. Os pais da criança também podem”, conclui.

Relembre o acidente

O passeio ao Parque Beto Carrero World, em Penha, terminou em tragédia para a família de Enzo, de 6 anos – a reportagem não identifica o sobrenome a pedido dos familiares. A criança escorregou de uma atração do parque e sofreu traumatismo craniano, no sábado (19).

Criança de 6 anos está em estado grave na UTI – Foto: Reprodução/NDCriança de 6 anos está em estado grave na UTI – Foto: Reprodução/ND

O menino caiu de uma altura de cerca de 4 metros ao subir na mão da estátua do Gorila, que é estática e os visitantes costumam posar para fotos. A família é de Curitiba (PR) e visitou o parque como presente de aniversário, a pedido da criança.

Em nota, o Parque Beto Carrero World  afirmou que está prestando apoio à família e que o ocorrido foi uma fatalidade.

“Nosso pequeno visitante caiu ao subir para a foto no Gorila, durante seu passeio, porém foi imediatamente assistido pelo time do Beto Carrero e encaminhado para o Pronto Atendimento mais próximo, ficando sob os cuidados médicos. Seguimos em contato com a família. Em breve tudo ficará bem”, diz o documento.

Último boletim médico

Na manhã desta quinta-feira (24), o hospital Pequeno Anjo divulgou novo boletim médico sobre o estado de saúde do pequeno Enzo, que segue internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

O menino sofreu traumatismo craniano, passou por cirurgia ainda no sábado e segue sedado, com um cateter na cabeça, respirando com a ajuda de aparelhos.

De acordo com novo boletim, o paciente está em processo de redução de sedação, estável hemodinamicamente e segue aos cuidados da equipe de terapia intensiva.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Itajaí e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia

Loading...