Polícia procura homem acusado de aplicar golpe de quase R$700 mil no Sul de SC

Com mandado de prisão decretado, o suspeito já é considerado foragido da justiça; ele teria lesado 13 produtores de gado em seis cidades do Sul do Estado

A Polícia Civil de Urussanga procura Rafael de Bem, 36 anos , ele é suspeito de cometer um golpe de quase R$700 mil e ter lesado 13 vítimas nas cidades de Morro da Fumaça, Cocal do Sul, Urussanga, Orleans, Braço do Norte e Pedras Grandes. Com prisão preventiva decretada pela Justiça, o suspeito é considerado foragido.

Até o momento 13 vítimas já foram identificadas em seis cidades do Sul do Estado. – Foto: Polícia Civil/DivulgaçãoAté o momento 13 vítimas já foram identificadas em seis cidades do Sul do Estado. – Foto: Polícia Civil/Divulgação

De acordo com as investigações, o suspeito intermediava a venda de gado bovino entre os abatedouros e produtores. Ele recebia o gado do produtor, levava ao frigorífico, recebia os valores e fazia o pagamento ao produtor.
Porém, após adquirir a confiança das vítimas, ele fez a entrega do gado aos abatedouros e fugiu com o dinheiro, sem repassar os valores para os fazendeiros.

Polícia Civil busca localizar Rafael de Bem, 36 anos acusado de aplicar golpe de quase R$700 mil em produtores de gado no Sul do Estado – Foto: Divulgação/ Polícia Civil/NDPolícia Civil busca localizar Rafael de Bem, 36 anos acusado de aplicar golpe de quase R$700 mil em produtores de gado no Sul do Estado – Foto: Divulgação/ Polícia Civil/ND

Identificadas 13 vítimas até o momento

Foram identificadas 13 vítimas nas cidades de Morro da Fumaça, Cocal do Sul, Urussanga, Orleans, Braço do Norte e Pedras Grandes. O valor do prejuízo é calculado em, aproximadamente, R$ 700 mil, até o momento.

O inquérito policial na Comarca de Urussanga foi instaurado e conduzido pelo Delegado Márcio Neves, tendo sido decretada prisão preventiva do acusado por estelionato na Comarca de Urussanga pelo Dr. Roque Lopedote, Juiz de Direito, com parecer favorável do Promotor Elias Medeiros Sobrinho.

A reportagem do ND+ não localizou a defesa do suspeito. O espaço está aberto para manifestação.

DENUNCIE

Delegacia de Polícia de Urussanga

Fone: (48)3465-1190

WhatsApp: (48) 3465-1190 ou (48)9935-1999

BO ou denúncias?

Registre aqui: https://delegaciavirtual.sc.gov.br/inicio.aspx

Disque denúncia: 181
Disque Denuncia Whatsapp ou Telegram: (48) 98844-0011

+

Polícia

Loading...