Suposta traição gera tentativa de homicídio em Chapecó

Homem que já tinha antecedentes criminais, bateu na esposa, atirou duas vezes contra o suposto amante dela e acabou sendo preso

Após flagrar a esposa, de 29 anos, em uma suposta traição, um jovem de 26 anos, que não teve a identidade revelada, tentou atirar contra o suposto amante, um homem de 33 anos. O caso aconteceu no bairro Pinheirinho, em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina. 

Agressões e tiros foram efetuados pelo suspeito. – Foto: Polícia Militar/ND

Portando uma arma calibre 38, o marido foi até a casa do suposto amante e atirou, mas a arma falhou. Ao deixar o local, na esquina, tentou atirar novamente, mas outra vez a arma falhou. 

A PM (Polícia Militar) foi acionada e identificou o autor dos tiros, que já possuía passagens por desacato e perturbação. Ao chegar na casa do agressor, os policiais encontraram a mulher dele com várias lesões no olho esquerdo e no rosto ocasionadas por socos, e nas costas por fio elétrico. A vítima ainda teve parte do cabelo cortado com uma faca. 

O homem fugiu antes da chegada dos policiais, mas foi encontrado com a arma. Segundo o sargento Aérikison Rifam, a PM efetuou a prisão do autor e o conduziu até a Central de Plantão da Polícia Civil, junto com os objetos apreendidos. As vítimas e testemunha também foram levadas até a delegacia.

+

Polícia