Vacinas da Covid-19 terão escolta da Polícia Militar em Chapecó

Imunizantes devem chegar no Aeroporto Serafin Enoss Bertaso na tarde desta segunda-feira (18)

As vacinas contra a Covid-19 serão escoltadas por equipes da PM (Polícia Militar) assim que chegarem em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina. As doses devem ser desembarcadas no Aeroporto Serafin Enoss Bertaso na tarde desta segunda-feira (18).

Policiais militares farão a escolta das doses no Oeste de Santa Catarina – Foto: Willian Ricardo/Arquivo/NDPoliciais militares farão a escolta das doses no Oeste de Santa Catarina – Foto: Willian Ricardo/Arquivo/ND

O comandante do 2º BPM (Batalhão de Polícia Militar) de Chapecó, tenente-coronel Fábio Henrique Machado, disse que os imunizantes serão escoltados do aeródromo até a Secretaria Municipal de Saúde. 

Ele também explicou que o plano de distribuição das doses na região deve ser divulgado logo na chegada dos imunizantes em Chapecó. Ao menos uma equipe de policiais, em uma viatura, devem atuar na escolta em cada município do Oeste. 

Na 1ª etapa, Chapecó prevê vacinação de 16 mil pessoas

O prefeito de Chapecó,  João Rodrigues, declarou que está com tudo pronto para iniciar a imunização. Ele disse nessa segunda-feira que cerca de 15 mil vacinas devem ser entregues na maior cidade do Oeste, que vai funcionar como base de distribuição. 

No entanto, o plano de vacinação contra a Covid-19 da secretaria de Saúde prevê a imunização de 16 mil pessoas na primeira etapa. São pessoas que estão em grupos de maior risco. 

Segundo a coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Chapecó, Lígia Schacht, as primeiras oito mil doses serão para os sete mil profissionais da saúde, tanto da rede municipal, quanto dos hospitais, que serão vacinados em seus locais de trabalho. Também no grupo inicial estão os indígenas, que devem ser vacinados no Toldo Chimbangue e Aldeia Kondá. 

Ainda na primeira etapa estão previstos os idosos com mais de 75 anos, e idosos com mais de 60 anos em instituições de longa permanência. Estes devem ser vacinados na própria instituição. Os acamados serão vacinados em suas residências.

Na segunda fase serão vacinadas pessoas de 60 anos a 74 anos. Na terceira fase, quem tem comorbidades. Na 4ª fase estão previstos os professores, profissionais das forças de segurança e salvamento e profissionais do sistema profissional.

Chapecó conta com 26 unidades de saúde do município. Na secretaria de Saúde existe uma central de câmaras refrigeradoras de imunobiológicos, com temperatura entre 2 a 8 graus negativos. 

O município também tem 30 mil seringas em estoque, para a primeira etapa. Foram compradas mais 50 mil seringas e o fornecedor tem previsão de entrega até o fim do mês.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.

+

Polícia