VÍDEO: Casal é preso com 114 pés de maconha em residência de SC

O suspeito alegou que a droga era para consumo próprio, devido a uma dor crônica, mas não convenceu a polícia

Um casal foi preso em flagrante nesta quarta-feira (29) por tráfico de drogas. Na residência em que eles moram, localizada na Rua Botuverá, no bairro Itoupavazinha, em Blumenau, a Polícia Civil encontrou 114 pés de maconha.

Casal tinha 114 pés de maconha em casa em Blumenau. – Vídeo: Divulgação/ Polícia Civil/ ND

A DIC (Divisão de Investigação Crimina) recebeu uma denúncia encaminhada Conselho Tutelar sobre uma possível plantação de maconha na casa e foi fazer uma averiguação.

Ao chegar ao local, os policiais já identificaram vasos com pés de maconha plantados no quintal da casa. Questionada, a moradora alegou que a droga era cultivada pelo seu companheiro para consumo próprio, porém, o forte odor da droga levou os policiais a descobrir em dois quartos do imóvel um sistema de estufa com vários pés da planta.

Após a chegada do investigado, ele confessou que cultivava a droga no imóvel, mas alegou que era para consumo próprio, já que o uso do entorpecente lhe aliviava dores crônicas no rosto devido a um acidente.

Apesar da alegação do investigado, o casal foi conduzido à delegacia, já que, além dos 114 pés de maconha, o investigado não conseguiu esclarecer devidamente que a droga era destinava ao seu consumo.

Após ouvir os dois investigados na presença de advogados, o delegado pediu a prisão em flagrante pelo crime de tráfico de drogas. Porém, em seu despacho se manifestou pela aplicação de medidas cautelares aos envolvidos. Os presos serão encaminhados à audiência de custódia e ficarão à disposição do Poder Judiciário da comarca de Blumenau.

Casal tinha 114 pés de maconha em casa em Blumenau. – Foto: Divulgação/ Polícia Civil/ NDCasal tinha 114 pés de maconha em casa em Blumenau. – Foto: Divulgação/ Polícia Civil/ ND

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Blumenau e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia

Loading...