VÍDEO: PM usa bala de borracha contra moradoras durante conflito

Moradoras do Morro da Penitenciária, em Florianópolis, xingaram os policiais que cumpriam mandado de prisão; uma mulher foi atingida

Um policial militar do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) recorreu ao uso de elastômero (bala de borracha) após um grupo de moradoras do Morro da Penitenciária, em Florianópolis, criticar a abordagem e xingar os policiais.

O caso aconteceu por volta do meio-dia desta sexta-feira (30). Na ocasião, a polícia cumpria um mandado de prisão na rua Álvaro Ramos.  Vídeos da abordagem circulam pelas redes sociais e mostram o momento do disparo. O ND+ retirou o áudio da gravação, devido ao teor.

De acordo com o 4º BPM, os policiais cumpriam um mandado de prisão nas redondezas, após receber denúncia de que um foragido da Justiça estava no local. Ao ver os policiais, o suspeito tentou fugir pela escadaria do Morro da Penitenciária; depois tentou agredir os policiais, quando foi imobilizado.

Quando a polícia já se retirava do local, moradoras se aproximaram questionando a abordagem, que consideraram violenta. Elas pediram que a ação terminasse. Uma das mulheres xingou o policial de “covarde” e “verme”. Foi neste momento que ocorreu o disparo, atingindo outra moradora.

VÍDEO: PM usa bala de borracha contra moradoras durante conflito, em FlorianópolisUma jovem foi atingida com o disparo – Foto: Montagem/ND

De acordo com a PM, o uso de elastômero foi necessário para “garantir a segurança dos policiais militares”. O batalhão afirma que as moradoras queriam libertar o suspeito e teria ocorrido “arremesso de objetos na direção dos policiais”. Este momento não foi registrado pelas imagens.

O suspeito recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a CPP (Central de Plantão Policial). Ele sofreu apenas escoriações leves e foi atendido pelos Bombeiros Militares, segundo a PM. A reportagem não conseguiu localizar a moça que sofreu o disparo.

Investigação

De acordo com o delegado Attilio Guaspari Filho, titular da 5ª Delegacia da Capital, a Polícia Civil recebeu denúncia das moradoras sobre a abordagem policial. Ela foi encaminhada para a Corregedoria da Polícia Militar. O delegado não passou mais informações sobre a ocorrência.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia