VÍDEO: “Não é montagem, eu realmente matei ela”, diz assassino de jovem gamer. Assista!

Jovem assumiu assassinado de gamer em vídeo gravado e publicado na internet. Ele aproveita para divulgar um livro de sua autoria

Guilherme Alves Costa foi preso em flagrante depois de ter esfaqueado Ingrid Oliveira Bueno da Silva, de 19 anos. Ele confessou em vídeo que matou a jovem com diversas facadas. Durante a prisão, ele chega a sorrir e a dizer que fez tudo em plena consciência.

Guilherme no vídeo em que assume ter matado Ingrid e aproveita para divulgar um livro – Foto: ReproduçãoGuilherme no vídeo em que assume ter matado Ingrid e aproveita para divulgar um livro – Foto: Reprodução

Ele chegou a publicar um outro vídeo nas redes sociais com Ingrid ferida e desacordada. O crime o ocorreu na última segunda-feira (22), em Pirituba, Zona Leste de São Paulo.

“Sou eu no vídeo, vocês estão cegos?”

A jovem assassinada era conhecida como Sol. Ela integrava a equipe FBI E-Sports de Call of Duty (Cod), que é um jogo eletrônico de guerra. Guilherme não era amigo de longa data da jovem e, ao que parece, seria integrante de uma equipe adversária, a Gamers Elite.

Antes de ser preso, o suspeito havia afirmado nas redes sociais que odiava as mulheres. Friamente, ele aproveitou o vídeo para divulgar um livro de sua autoria: “pedi pra um pessoal divulgar”.

+

Segurança