Distanciamento, máscaras e lágrimas marcam retorno ao Teatro do CIC

Depois de um ano e meio, Teatro do Centro Integrado de Cultura voltou a ofertar um espetáculo com a presença do público

Depois de um ano e meio o Teatro do CIC (Centro Integrado de Cultura) voltou a abrir as portas – para o público e – para um espetáculo. Com a capacidade estipulada em cerca de 50%, os presentes, de máscaras, puderam acompanhar o espetáculo “Se não agora, quando?”, da Cia Trupe Toe.

Espetáculo Cia Trupe Toe, no Teatro do CIC – Foto: Paulo Mueller/NDTVEspetáculo Cia Trupe Toe, no Teatro do CIC – Foto: Paulo Mueller/NDTV

Ainda em formato híbrido, com plateia in loco e parte via Youtube, a companhia emocionou os espectadores que, mesmo de máscara, tiveram que driblar o aparato para secar as lágrimas.

Não só pela beleza do espetáculo, mas pela volta de uma apresentação no tradicional palco cerca de um ano e meio depois.

A estrutura, dentro das diretrizes impostas e do que se espera para tamanha apresentação, foi elaborada com cadeiras demarcadas e espaçadas. Com capacidade para 906 pessoas o CIC recebeu, na noite desta sexta-feira, 450 pessoas.

O elenco que se apresentou realizou o espetáculo sem máscaras, porém todos integrantes foram submetidos a testes com 72h de antecedência para o início do show. Todos os testes deram como não reagentes.

Espaço controlado dentro do Teatro do CIC – Foto: Paulo Mueller/NDTVEspaço controlado dentro do Teatro do CIC – Foto: Paulo Mueller/NDTV

“Estamos vivendo um momento muito importante para a cultura de Santa Catarina, com investimentos expressivos e ações que visam à retomada de um setor tão afetado pela pandemia do coronavírus. A reabertura dos nossos espaços culturais vem para coroar essa nova fase”, pontua Edinho Lemos, presidente da FCC (Fundação Catarinense de Cultura).

O espetáculo

Unindo dança, elementos visuais e música, integralmente de autoria própria e exclusiva para o espetáculo, a apresentação promove uma reflexão sobre uma sociedade mais igualitária em vários aspectos, alinhada ao Objetivo de Desenvolvimento Sustentável Número 5 da ONU: igualdade de gênero.

No palco do CIC estiveram 13 artistas entre dançarinos, coreógrafos, sapateadores profissionais e músicos, utilizando a arte na busca da equidade de gêneros, etnias e raças, e trazendo à tona a discussão sobre justiça social.

Trecho do espetáculo apresentado na noite do dia 1º de outrubro de 2021, no teatro do CIC – Vídeo: Paulo Mueller/NDTV

“Nos inspiramos em campanhas internacionais como a ‘He For She’, da ONU, que teve a hashtag #heforshe, e o ‘The Representation Project’ e em pensadoras que entendemos que estavam à frente do seu tempo, como Simone de Beauvoir e Clarice Lispector, cujos textos integram os elementos visuais do espetáculo”, destaca Marina Coura, diretora da Trupe Toe e do Floripa Tap, o maior festival de sapateado da América do Sul, que terá edição de 10 anos de 29 de outubro a 3 de novembro, em Florianópolis.

“Se não agora, quando?” terá também uma terceira apresentação este ano, em Salvador (BA), em dezembro.

A Companhia

Fundada em 2011, a Cia Trupe Toe desenvolve a pesquisa do Sapateado (Tap Dance) de uma forma ampla e polivalente, oferecendo uma nova conversa ao sapateado, com a busca da inclusão de uma linguagem própria brasileira.

Espetáculo Cia Trupe Toe, no Teatro do CIC – Foto: Paulo Mueller/NDTVEspetáculo Cia Trupe Toe, no Teatro do CIC – Foto: Paulo Mueller/NDTV

Produzindo e desenvolvendo espetáculos de dança e música, utilizando intervenções de diversas linguagens corporais e cênicas, tem em sua história quatro espetáculos de autoria própria já apresentados: “Papo Brasileiro”, “Tap em Tom”, “Recriando Linguagens” e o atual, “Se não agora, quando?”.

Até o fim do mês, está prevista ainda a reabertura do Museu de Arte de Santa Catarina (Masc), com nova exposição; do Cinema Gilberto Gerlach, com programação semanal; bem como o retorno das aulas das Oficinas de Arte.

Todas as informações serão divulgadas no site da Fundação Catarinense de Cultura e páginas nas redes sociais.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Teatro

Loading...