33 Giga

Blog de tecnologia com serviços e notícias quentes da área. Dicas, tutoriais, testes e muito mais, de forma simples e descomplicada.


15 filmes de terror com mulheres poderosas

15 filmes de terror com mulheres poderosas - Divulgação/FOX

15 filmes de terror com mulheres poderosas - Divulgação/FOX

span style=”font-weight: 400;”>O cinema, de forma geral, sempre idealizou e objetificou a figura feminina, colocando-a no centro de uma infinidade de clichês. Quando se fala em filmes de Terror, em especial, essa estereotipação é ainda mais gritante através das dualidades “vítima ou vilã” e “santa ou vulgar”, que coloca a figura feminina como totalmente vulnerável ou uma completa maluca. 

Há ainda as chamadas Scream Queens, que aparecem sempre em posição de fragilidade, perseguidas por um vilão cruel e impiedoso. Elas são usadas, sobretudo, apenas para dar o pontapé inicial ou movimentar o roteiro, sem ter sua personalidade ou história desenvolvidas. Um dos exemplos mais memoráveis nesse sentido é Marion Crane, do clássico Psicose (1960), na cena do chuveiro. 

Leia mais:
Os melhores filmes de terror de todos os tempos
Halloween: 20 melhores filmes e séries de terror para assistir na Netflix

Apesar de filmes machistas (e até misóginos) continuarem a ser produzidos, uma onda poderosa de diretoras (e novos diretores também, importante pontuar) têm colocado a figura feminina não apenas na posição de protagonistas, mas de donas de si e da situação. Nesses filmes, além de ir além dos esteriótipos, muitas histórias também buscam usar elementos dos gêneros Terror e Suspense para escancarar limitações e temores das mulheres na sociedade.

Para te levar para dentro desse universo, o 33Giga listou 15 filmes de terror com mulheres poderosas e que colocariam qualquer vilão clássicos para correr. Confira: 

Raw (2016)

Justine é uma jovem que acabou de entrar na universidade de Medicina Veterinária. Vegetariana, ela se vê em grande conflito quando é obrigada a comer carne pela primeira vez. O trote é como um gatilho, e ela começa a ter fome de carne humana. Ao longo do filme, o espectador acompanha a protagonista em suas nuances de inocência e desejo, enquanto esse último toma conta.

Goodnight Mommy (2014)

Após ficar alguns dias longe para fazer cirurgias plásticas, uma mãe volta para casa e não é reconhecida pelos filhos gêmeos. As crianças desconfiam que aquela mulher não é sua mãe e tentam descobrir o que está acontecendo. Além de plantar, logo no primeiro minuto, a sementinha do “será que é ela mesmo?”, o filme usa de metáforas para mostrar como acontecimentos trágicos podem mudar alguém para sempre. 

Jovens Bruxas (1996)

 Um clássico teen feminista, Jovens Bruxas acompanha a história de quatro garotas que estudam e praticam ocultismo e magia. Nos anos 1990 (e até hoje!), o filme foi um marco para as meninas que tinham dúvidas a respeito do seu lugar no mundo. Além disso, desmistificou o esteriótipo da bruxa com a verruga no nariz e colocou a magia e a bruxaria como meio de empoderamento feminino. 

Você é o Próximo (2011)

Uma família viaja para sua casa de campo na comemoração do aniversário de casamento dos pais, até que homens mascarados invadissem o local com um único objetivo: matar todo mundo. O que ninguém esperava é que Erin, uma das cunhadas, tem lógica e habilidades que farão os mascarados se arrependerem de seu plano sanguinário.

Prevenge (2016)

Viúva e grávida de sete meses, Ruth acredita escutar a criança dentro da barriga. O que a difere das outras mães é que o desejo de seu bebê faz com que ela inicie uma onda de assassinatos. A trama quebra os tabus da gravidez e da maternidade, misturando terror e comédia em uma história bastante original. Mas o mais curioso fica por parte de Alice Lowe, que escreveu, produziu, dirigiu e protagonizou o filme nos últimos meses da própria gravidez. 

Arraste-me Para o Inferno (2009)

Esta comédia de terror acompanha Christine, uma analista de crédito financeiro que vê sua vida se transformar em um verdadeiro pesadelo após recursar um empréstimo à Sra. Ganish – uma anciã cigana. Amaldiçoada, a protagonista faz o possível e o impossível para tentar escapar da criatura demoníaca que quer, literalmente, levá-la para o inferno. 

Swallow (2019)

Grávida, Hunter é uma dona de casa que está viciada em se alimentar de objetos perigosos. Seu marido e a família desejam controlar ainda mais a sua vida, enquanto ela enfrenta o segredo sombrio por trás da sua obsessão. Com uma estética impecável e muito suspense, o filme discute o lugar da mulher na sociedade patriarcal, sua repressão, solidão e silenciamento. Nesse conceito, o ato de comer vem como uma tentativa da protagonista de assumir o controle da sua vida. 

Alien, o Oitavo Passageiro (1979)

Uma nave espacial recebe um pedido de socorro vindo de um planeta deserto. Ao atender o chamado, os tripulantes têm contato com uma criatura alienígena – que é motor para esse e os outros filmes da franquia. Nessa saga, o grande destaque fica para a Tenente Ellen Ripley, a única pessoa que foi capaz de enfrentar e derrotar o Alien – sem fragilidade, apelo sexual ou gritaria. 

The Perfection (2018)

Além de esteticamente lindo, este filme traz uma história sobre trauma e reparação no estilo “nada é o que parece”. O thriller psicológico acompanha uma musicista excepcional que reencontra seus ex-mentores, mas descobre que eles têm uma nova aprendiz tão talentosa quanto ela. 

Garota Infernal (2009)

Em Garota Infernal, Jennifer é sacrificada por uma banda de rock durante um ritual satânico com o objetivo de atingir a fama. Após fingir que era virgem, ela acaba sendo possuída por uma entidade que a faz se alimentar de carne humana – de homens, mais especificamente. Um ponto interessante do filme é que ele foi de um fracasso de bilheterias a um clássico cult, considerado a frente de seu tempo. 

Midsommar (2019)

Após passar por uma tragédia pessoal, Dani vai até a Suécia para participar de um festival de verão local com seu namorado e amigos. Lá, em vez de férias, o grupo se depara com rituais bizarros que os deixa sem saber em quem confiar. Dani enfrenta o luto, a depressão e um relacionamento próximo do fim enquanto se vê cada vez mais inserida nesse novo mundo. 

Cam (2018)

Alice é uma cam girl que tem sua conta roubada por uma sósia que assume a sua identidade e sua fama. Ela começa a perder o controle de vida e carreira enquanto corre contra o tempo para descobrir quem é esse clone digital. 

Ready or Not (2019)

Após seu casamento, Grace volta à casa de campo da família do marido. Mas a noite de núpcias é substituída por uma tradição familiar sangrenta. Quando ela percebe que sua vida corre perigo, a única opção é se armar e contra-atacar, decidida a não morrer naquela noite. 

The Babadook (2014)

Viúva e traumatizada pela morte do marido, Amelia precisa lidar com os medos de seu filho pequeno, que acredita que uma figura obscura chamada Babadook deseja matá-lo. Enquanto os monstros se tornam cada vez mais reais, o filme acompanha a jornada de Amelia para enfrentar uma grande exaustão emocional, entender o que está acontecendo e proteger o filho (apesar de sua dificuldade que tem em amá-lo).

Hush (2016)

Este filme de suspense e terror psicológico acompanha a história de Maddie, uma escritora que perdeu a audição e vive isolada em uma pequena cabana na floresta. Um homem misterioso percebe a deficiência auditiva da mulher e a coloca em um jogo de gato e rato, fazendo com que ela tenha que ir até seus limites físicos e mentais para sobreviver.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga