Como as startups estão revolucionando a saúde

A inovação feita pelas startups tem impactado diretamente a área médica, que está vivenciando e desfrutando de todos os recursos desenvolvidos por essas empresas

O que é mais importante: uma grande tecnologia que interaja com o ser humano ou uma que proporcione cirurgias antes impensáveis e que envolvem enormes riscos? As duas interessam para sociedade, mas nada se compara as maravilhas tecnológicas que a medicina usufrui e traz para nossas vidas.

Já parou para pensar um pouco e refletir como eram dolorosos e longos os procedimentos médicos? Como os medicamentos não eram tão precisos e muitas doenças eram ainda desconhecidas ou de pouco entendimento para a medicina? Graças a evolução e o foco do ser humano em criar uma saída para as maiores doenças de nossa civilização, podemos hoje viver todos os privilégios que a medicina moderna pode oferecer.

A inovação feita pelas startups tem impactado diretamente a área médica – Foto: Divulgação/Condor ConnectA inovação feita pelas startups tem impactado diretamente a área médica – Foto: Divulgação/Condor Connect

Todo esse avanço é no sentido de garantir uma maior sobrevida e com qualidade para o ser humano. Hoje é possível se proteger de praticamente todas as doenças e até anular seus efeitos. É o caso do vírus  da aids, que ano após ano tem muitas evoluções de seus medicamentos e em breve teremos uma vacina totalmente eficiente contra o vírus.

Graças a estudos e pesquisas com aplicações tecnológicas na medicina auxiliadas por grandes startups, a medicina mundial está enriquecendo e proporcionando um alento para os pacientes com doenças que antes certamente iriam devastar a sua vida.

Outro exemplo vivido atualmente é a luta frenética contra o mortal coronavírus, pois por mais que vacinas estejam sendo desenvolvidas, dificilmente será algo de término imediato. Mas a grande pergunta é: sem o uso dos recursos tecnológicos, em que estágio do impacto da doença estaríamos? Certamente que muito mais crítico.

A pandemia fechou portas do comércio e pouco a pouco foi exigindo a reinvenção no sistema de saúde, pois afetou drasticamente um setor ainda de extrema de fragilidade de nosso país, que entrou em colapso em vários dos estados brasileiros.

Adaptando-se às mudanças que as grandes startups proporcionam

As startups produzem ações disruptivas com muita velocidade e que impactam diretamente no mercado e nos empreendedores. Elas não medem esforços e conectam a todos ao ecossistema da inovação.

No universo da medicina as startups atuam como aliadas ao processo de transformação e desenvolvimento. Para um dos setores que mais importam para a sociedade, focam em levar para a vida humana proteção e qualidade. As startups rompem a barreira do desconhecido e plantam a semente da inovação nas empresas e empreendedores que ainda não a conhecem.

É preciso aceitar os conceitos implementados pelas startups, que buscam a todo momento entregar as melhores soluções para sociedade. Geralmente tem em mãos os melhores recursos tecnológicos e que ampliam conhecimentos, estudos e pesquisas para a área da medicina.

Com o pensamento em elevar o patamar do setor médico brasileiro, estão surgindo cada vez mais startups com o foco total na medicina, criando aplicativos, plataformas e até ferramentas que tragam para o setor grandes transformações.

Para viver a inovação e utilizar os melhores recursos que as startups oferecem, será necessário mudar hábitos e cultura. É preciso se desprender do cômodo e aceitar o que essas empresas estão nos ensinando. Claramente as ações inovadoras por parte delas nos campos médicos se tornaram refúgio, aprendizado e solução!

Pois o futuro será…

Basicamente, 90% do que seja operacional, será feito pelas máquinas.
Juliano Schaefer, CEO Dr Kits

Estar à frente de uma startup e seus projetos 

Comandar uma empresa nunca será tarefa fácil. Se não estiver bem estruturada, certamente que os lucros não serão dos melhores. É necessário planejamento e ciência para desempenhar o verdadeiro papel de líder, inspirando e promovendo em seus colaboradores a atitude correta para desenvolver o negócio.

Em uma startup, o pilar deve corresponder ao perfil que melhor representa a empresa, possuir conhecimentos e demonstrar como se age de forma inovadora.

É de suma importância a empresa trabalhar e fornecer informações a respeito do funcionamento da startup.
Ciro Nagel De Marco, Fouder e CEO da IASOS

Assim, toda ação da startup será nítida, tanto para a liderança quanto para os colaboradores, que poderão definir e defender a cultura que é encontrada em seus corredores.

Uma startup bem definida esclarece as dúvidas do mercado e deixa claro ao cliente como ela atua e se comporta. A liderança se torna o retrato da empresa, sempre interligando ações que promovam a inovação.

O líder capaz é aquele que transborda inteligência e corresponde as necessidades de seu cliente.

Acompanhe nosso bate-papo completo:

Ou se preferir, ouça como podcast:

Está idealizando sua startup ou quer acelerar seu crescimento, entre em contato com a aceleradora Condor Connect através do e-mail oi@condorconnect.com.br. Aqui seus projetos e ideias são avaliados por especialistas de mercado, e você pode fazer parte do programa de mentoria para sua startup. Não perca a chance de fazer acontecer!

+

Tecnologia