33 Giga

Blog de tecnologia com serviços e notícias quentes da área. Dicas, tutoriais, testes e muito mais, de forma simples e descomplicada.


Guia de Compras: tudo o que você precisa saber sobre SSD

Guia de Compras: tudo o que você precisa saber sobre SSD - Divulgação/ImationGuia de Compras: tudo o que você precisa saber sobre SSD - Divulgação/Imation

em>*Por Francimar da Silva

No momento atual, em que muitos estão trabalhando em home office e jogando mais, a velocidade das máquinas é alvo de desejo dos usuários. Existe um equipamento que promete e realiza tudo isso, ele é conhecido como SSD e é perfeito para deixar os computadores mais rápidos e eficientes. Neste artigo, vou explicar o que são os SSDs, para o que servem, seus benefícios e como eles podem facilitar e deixar o seu trabalho, estudo e lazer mais dinâmicos.

Leia mais:
Testamos: EaseUS recupera arquivos apagados do computador em poucos cliques
Álbum: todos os eletrônicos testados pelo 33Giga

Mas o que são os SSDs?

SSDs, sigla em inglês para Drive de Estado Sólido, são uma evolução dos HDs tradicionais. Eles são dispositivos de armazenamento de massa, ou seja, são capazes de gravar uma enorme quantidade de dados (algumas opções chegam a ter terabytes de espaço, por exemplo). Diferentemente do padrão tradicional que muitos ainda usam, eles não contam com discos físicos internos, nem possuem componentes mecânicos.

Vantagens dos SSDs

Seja interno ou externo, o SSD oferece muitas vantagens em relação ao HD devido à sua construção sem componentes mecânicos, que faz dele mais resistente a quedas e impactos. Ele é mais seguro por não conter partes móveis, como os HDS, e resiste melhor a choques e quedas.

O SSD esquenta menos, o que dá mais flexibilidade de uso e aumenta a vida útil do notebook, por exemplo, e também utiliza menor temperatura, consumindo assim menos energia. Além disso, ele deixa o computador mais rápido em operações como boot, gravação e leitura de dados, já que lê essas informações 3 vezes mais rápido do que um HD convencional.

Por conta da ausência de partes móveis, eles são menores, mas a diferença mais marcante entre um SSD e um HD certamente é a velocidade. Já foram produzidas comparações que mostram que o módulo de memória de estado sólido é muito superior nesse quesito quando comparado a um disco rígido convencional.

O SSD é ideal para programas de edição de imagens, vídeos e jogos. Portanto, é indicado para os gamers, designers, e outros profissionais que requerem uma alta velocidade de seus computadores.

Externo ou interno?

Os SSDs contam com duas formas de armazenamento: interno e externo. Assim como os HDs externos, os SSDs também podem ser transportados como dispositivos portáteis. Suas vantagens em comparação com os HDs são as mesmas: mais leves, rápidos e resistentes.

O SSD externo oferece respostas mais rápidas ao sistema operacional, pois ele não fica instalado na máquina, já o interno recomenda-se o auxílio de um profissional para realizar a instalação. Além dos modelos portáteis, é possível encontrar notebooks e computadores que já vêm com SSD integrado. Esses aparelhos oferecem um ganho de performance já que os dados são gravados eletricamente em chips de memória flash e podem ser acessados com maior rapidez e facilidade.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

SSD SATA ou SSD M2?

Os SSDs podem utilizar duas tecnologias: Mini-SATA ou mSATA e M2, que é considerada a tecnologia mais recente. O tipo de unidade interfere, diretamente, na capacidade de armazenamento e desempenho.

O SATA foi desenvolvido como uma solução para melhorar o desempenho do formato anterior. Sua característica de transferir dados resultam em um aumento substancial de velocidade já na sua primeira versão. Em seguida, passou por revisões que dobravam sua banda máxima, chegando já na versão SATA III.

SATA ou mSATA? Diferentemente do mSATA, o novo formato passou a oferecer múltiplas opções para placas de pequeno porte.

Mas qual SSD é ideal para você: Sata ou M2?

Isso vai depender da porta de armazenamento disponível no seu notebook ou PC. Nos computadores e notebooks atuais, principalmente nos gamers, já existe o slot disponível para as duas versões.

Desvantagens

Os SSDs também apresentam desvantagens – apesar de serem poucas se comparadas a longa lista de desvantagens dos HDs. A principal delas é o preço por gigabyte de um SSD, que é, em média, maior do que o de um HD. Apesar disso, o mercado já está demonstrando uma queda gradativa nos valores, e grandes varejistas e papelarias comercializam o produto, o que garante qualidade e um bom valor agregado ao consumidor.

Mesmo com pequenos pontos negativos, acredito ser extremamente vantajoso ter um SSD, mesmo que hoje exista um espaço de armazenamento melhor, sendo que muitos arquivos e projetos podem ser guardados na nuvem. Ainda assim, antes de comprar, pesquise, veja qual modelo é mais indicado para suas necessidades, se informe, converse com seus amigos.

*Francimar da Silva é gerente geral da Maxprint Consumer, divisão do Grupo Rio Branco, que tem um portfólio de 1.800 produtos de informática, que inclui a venda com exclusividade no Brasil de modelos de SSD de última geração da Imation e da DATO, além de produtos da marca MAXPRINT e DAZZ