Após temporal, loteamentos de São José ficaram 17 horas seguidas sem energia elétrica

De acordo com a Celesc, a causa das interrupções registradas na quinta-feira foi, principalmente, queda de árvore sobre a rede elétrica.

O temporal que atingiu a Grande Florianópolis na tarde de quinta-feira (12) deixou 59 mil unidades consumidoras sem energia elétrica, segundo a Celesc. As principais áreas afetadas foram Biguaçu, Florianópolis, Palhoça e São José.

Em São José, moradores de loteamentos localizados na região do bairro Potecas ficaram sem energia durante cerca de 17 horas seguidas, desde o início do temporal, às 15h, até a 8h30 da manhã seguinte. “Foi uma noite de muito calor e pernilongos”, reclama a cabeleira Eliane Santos, moradora do loteamento Jardim Botânico.

De acordo com a Celesc, a causa das interrupções registradas na quinta-feira foi, principalmente, queda de árvore sobre a rede elétrica.

Na tarde de sexta-feira, equipes da companhia ainda atuavam para resolver problemas provocados pelo temporal do dia anterior. São 25 equipes leves, responsáveis por resolver os problemas menos complexos, e oito pesadas, com caminhões guindaste, para repor postes caídos ou quebrados.

Leia também:

Nove cidades são afetadas por tempestade em Santa Catarina

+

Tempo