Calor com máximas históricas vai até o final de janeiro em SC

Junto com o calorão, tempestades e chuvas de granizo podem atingir o Estado; confira alguns cuidados durante o calor intenso

O calor tem predominado em todo Estado de Santa Catarina desde a semana passada e deve continuar até o final do mês. A Defesa Civil estadual alerta para a possibilidade de o calor intenso trazer também temporais e tempestades.

A onda de calor ainda vai se estender por muitos dias em Santa Catarina- Foto: Daniel Queiroz/Arquivo/NDA onda de calor ainda vai se estender por muitos dias em Santa Catarina- Foto: Daniel Queiroz/Arquivo/ND

Entre a tarde e a noite desta segunda-feira (17) o calor e a umidade favorecem pancadas de chuva, no Centro Leste do Estado. Há riscos para temporais, descargas elétricas e granizo.

Em algumas áreas do Extremo Oeste as temperaturas podem chegar aos 43°C. No Litoral Sul, as máximas chegam aos 38°C e, no resto do Estado, a temperatura varia entre 30°C e 36°C .

A onda de calor atinge todo o Centro da América do Sul – Foto: Defesa Civil/Divulgação/NDA onda de calor atinge todo o Centro da América do Sul – Foto: Defesa Civil/Divulgação/ND

Na terça-feira (18) a temperatura máxima se aproxima dos 40°C em quase todo o Estado. No Extremo Oeste deve ultrapassar esse registro e caminhar em direção aos 43ºC. Algumas pancadas de chuva podem ser esperadas no Litoral, com atenção para ventos fortes.

Na quarta-feira(19) o dia deve começar com máximas de 20ºC em toda Santa Catarina. Ao longo do dia as temperaturas devem subir e chegar aos 30°C. O Extremo Oeste pode chegar a registrar máximas de 40°C até o fim do dia.

Máximas históricas até o fim do mês

A previsão segue com registros de máximas históricas de calor, que  beira os 45°C, até o fim do mês de janeiro.

Segundo o meteorologista Piter Scheuer, além do calor intenso, pancadas de chuva devem ocorrer ao fim do dia, em toda a semana e no fim de semana também.

“Os temporais mal distribuídos devem seguir todos os dias, normalmente no fim do dia, no Centro Leste do Estado. A partir de quarta-feira (19) vai abranger o Oeste do Estado também”, explicou Scheuer.

“É importante ficar atento, pois essas pancadas de chuva podem se transformar em temporais”, completou o meteorologista.

Fim de semana ultrapassou os 40°C em SC

Na cidade de Braço do Norte, próximo ao Litoral Sul de Santa Catarina, os termômetros mostraram temperaturas próximas aos 50°C. Em um registro feito por uma moradora do município é possível observar que as máximas chegaram a marcar 46°C.

Veja a foto:

O registro foi enviado por uma internauta, nas redes sociais – Foto: Internet/Reprodução/NDO registro foi enviado por uma internauta, nas redes sociais – Foto: Internet/Reprodução/ND

Diante das altas temperaturas em todas as regiões, é preciso intensificar os cuidados com a saúde para evitar problemas de saúde.

As altas temperaturas fazem com que as pessoas percam mais líquidos que o normal, o que pode causar quadros como desidratação, brotoeja, inchaço, cólicas e até desmaios. O risco é ainda maior em grupos vulneráveis, como idosos, crianças e doentes.

Confira alguns cuidados importantes:

Garrafa de água na mão: durante o calor nós suamos muito e é preciso ingerir mais líquido, principalmente água. A falta de líquido pode gerar desidratação, com sintomas como dor de cabeça, náusea, fraqueza e tontura.

Alimentação leve é mais indicada: o ideal é fazer uma alimentação leve e sem gorduras a fim de evitar problemas, como a sensação de estômago pesado.

Bom sono é essencial: manter uma boa rotina de sono é importante sempre, ainda mais durante o calor. O ideal é usar menos roupas de cama e vestir-se com menos roupas para dormir, além de manter o cômodo bem arejado, principalmente no caso de grupos de risco.

Proteção é fundamental: seja ao trabalhar no sol ou curtir uma praia, a proteção é indispensável. Use boné, chapéu, sombrinha, roupas resistentes aos raios UVA e UVB ou outro item que ajude a proteger da ação do sol. Não esqueça de usar e reaplicar o protetor solar.

Atenção às viroses: no verão, é comum que os casos de virose e de intoxicação alimentar aumentem. Diante disso, é importante dar preferência à água tratada, filtrada ou fervida para evitar diarreias e outros sintomas de quadros virais.

+

Tempo

Loading...