Ciclone traz alerta para ventos fortes e mar agitado em SC

Fenômeno se forma no Extremo Sul do Brasil neste fim de semana e deve trazer frente fria ao Estado na próxima semana; confira a previsão

A influência da formação de um novo ciclone extratropical traz alerta para navegações marítimas e pescadores catarinenses a partir deste fim de semana. No sábado (10) o fenômeno começa a se formar entre o Uruguai e o Extremo Sul do Brasil e causa impactos no mar catarinense.

De acordo com a meteorologista da Epagri/Ciram, Gilsânia Cruz, a previsão é de ventos entre 50 e 70km/h e ondas com picos de até 2,5m, na próxima segunda (12) e terça-feira (13).

A profissional ressalta que a formação de ciclones naquela região é comum nesta época do ano, e o impacto sentido em Santa Catarina será leve.

Influência de ciclone extratropical deve provocar ondas mais altas em SC – Foto: Arquivo/Flavio Tin/NDInfluência de ciclone extratropical deve provocar ondas mais altas em SC – Foto: Arquivo/Flavio Tin/ND

“Ele não vai se formar por aqui. O ciclone será na altura do Uruguai e no sul do Rio Grande do Sul. Terá uma frente fria associada a ele que chega no final de domingo (11) em Santa Catarina.

Tudo indica que vai ser uma frente de fraca intensidade, provocando variedade de nuvens e muito pouca chuva, pelo que sabemos até agora”, explica Gilsânia Cruz.

Os efeitos, portanto, serão sentidos em Santa Catarina a partir do início da próxima semana.

“Na segunda-feira principalmente teremos rajadas de vento Sul no Litoral, o que aumentará a altura de ondas. Esse é o principal impacto do ciclone extratropical por aqui”, afirma a meteorologista.

A previsão até o momento indica que entre segunda e terça as ondas devem ficar em torno de 2 a 2,5m, com picos de até 3m em uma área mais afastada da costa.

O vento segunda deve ser de 50 a 70kmh, sendo mais forte ao Sul de Florianópolis.

Alerta meteorológico

Gilsânia Cruz ressalta que a Epagri ainda aguarda o fenômeno estar mais perto para garantir com mais precisão os efeitos e perigos que podem causar na navegação marítima.

“Temos que esperar ele chegar mais perto para ver se mantém da mesma forma o deslocamento do ciclone. Se for o caso vamos emitir avisos de mar, a princípio ele seria para a segunda e terça-feira, com relação à ventania e aumento de ondas.”

Fenômeno comum para a época do ano

A formação de ciclones extratropicais ao sul do país deve ocorrer mais vezes durante o outono.

“Nessa época do ano que estamos agora, principalmente entre outono e primavera, vamos ter influência de vários ciclones extratropicais.

Normalmente eles se formam entre a Argentina, Uruguai e o interior do Rio Grande do Sul”, informa a meteorologista.

No entanto, os impactos não devem ser graves em Santa Catarina, pois tradicionalmente os fenômenos estão mais afastados.

“É bem difícil eles se formarem aqui em Santa Catarina. O ciclone que teremos agora é bem clássico para a época. Não teremos furacão, ciclone bomba nem nada do tipo”, garante a profissional.

+

Tempo