Confirmado ‘caminho’ do frio extremo em SC, com neve e máximas negativas; veja cidades

Entrada de massa polar na Serra se espalhará pelo Estado; informações foram confirmadas pela Epagri/Ciram em live nesta quarta-feira

Há chance para a queda de neve em Santa Catarina, e a “janela” se estende até a manhã desta quinta-feira (29). A entrada de uma massa polar na Serra se espalhará pelo Estado, abrindo uma pequena probabilidade dos flocos aparecerem também no Meio-Oeste e Alto Vale do Itajaí.

Em São Joaquim, árvores amanheceram congeladas nesta terça-feira – Foto: Maria Fernanda Salinet/NDEm São Joaquim, árvores amanheceram congeladas nesta terça-feira – Foto: Maria Fernanda Salinet/ND

O fenômeno depende de uma combinação de fatores. “Se a nebulosidade, umidade e frio se chocarem, pode acontecer neve”, explicou Marcelo Martins, meteorologista da Epagri/Ciram, durante transmissão realizada na tarde desta quarta-feira (28).

Já podemos contar com um fator, pois a frente fria que passou na terça deixou umidade. Agora, a massa polar traz o frio necessário para o fenômeno. Mas nem sempre a teoria garante a realidade. “Às vezes temos todas as condições, mas não concretiza”, explica Martins.

Caso o futuro favoreça os turistas que lotaram as pousadas na Serra, os primeiros flocos devem cair na região durante o fim da tarde e noite. Em seguida, há uma chance pequena que ocorra nevada durante a madrugada e manhã de quinta no Meio-Oeste, Planalto Norte e Alto Vale do Itajaí.

Frio

Já o frio está garantido. Pelo menos 53 cidades catarinenses amanheceram com temperaturas negativas nesta quarta. Há ainda municípios, como Bom Jardim da Serra, cuja temperatura máxima no dia deve ser negativa. Às 15h30, hora mais “quente” do dia, os termômetros marcavam -1°C.

Diferente das primeiras projeções, o frio não se mostrou tão excepcional assim. Na última semana, por exemplo, moradores de 67 municípios amanheceram abaixo dos 0°C. “É o padrão, mas ainda é muito frio, apesar de não ser histórico”, avalia o meteorologista.

O frio generalizado é que é específico, com temperaturas baixas mesmo no Litoral. O fenômeno deve ser sentido principalmente na quinta e sexta-feira. A partir de sábado, as temperaturas voltam a subir. Ainda há chances de novas ondas de frio, até mesmo duas, no mês de agosto.

Geada

A possibilidade de geada, entretanto, não é tão exclusiva assim, e se estende para todas as regiões de Santa Catarina, até sábado (31). Há ainda a possibilidade de um fenômeno raro, chamado de “geada negra” responsável pela queima da seiva no interior das plantas.

A Defesa Civil de Santa Catarina atualizou o alerta de frio na tarde desta quarta-feira (28). O vento persistente e pontualmente forte deve tornar ainda mais intensa a sensação de frio. Há risco de congelamento de pista nas regiões mais altas da Serra e Meio-Oeste na noite de quarta e madrugada de quinta.

“O amanhecer de frio mais intenso deve ocorrer na quinta e na sexta-feira. Além disso, as tardes também devem ser bastante frias”, alerta o órgão. Confira as mínimas previstas por região:

  • Planaltos e Meio-oeste: variam de -9°C a -3°C;
  • Oeste, Alto Vale do Itajaí e Grande Florianópolis Serrana: variam de -4°C a 0°C;
  • Médio Vale do Itajaí e Litoral Sul: variam de -2°C a 4°C; e
  • Demais áreas litorâneas: 0°C a 5°C.
+

Tempo

Loading...