Florianópolis foi a quarta cidade do mundo em que mais choveu neste sábado

Segundo o portal GeoClima, pode ter ocorrido um erro no registro do pluviômetro e Capital estaria em terceiro lugar do ranking

Após os temporais que deixaram moradores desabrigados e ruas interditadas, Florianópolis ficou em quarto lugar no mundo com o maior volume de chuvas acumuladas em 24 horas, com 123 mm. Os dados são do site Ogimet, com divulgação do portal Conexão GeoClima.

Neste sábado (19), Florianópolis ficou com ruas alagadas e vias interditadas após fortes chuvas – Foto: Leo Munhoz/NDNeste sábado (19), Florianópolis ficou com ruas alagadas e vias interditadas após fortes chuvas – Foto: Leo Munhoz/ND

A Capital perdeu apenas para duas cidades indianas e uma da República Tcheca. A líder do ranking foi a theca Cervena, seguida de Mahabaleshwar e Harnai, todas com menos de 10 mil habitantes.

De acordo com GeoClima, se o sistema aceitasse estações particulares, a Capital estaria na segunda posição com 219,5 mm (Bairro Lagoa da Conceição, Leste da Ilha).

Florianópolis fi a quarta cidade do mundo que mais choveu em 24 horas – Foto: Ogimet/Reprodução/NDFlorianópolis fi a quarta cidade do mundo que mais choveu em 24 horas – Foto: Ogimet/Reprodução/ND

Ainda segundo o portal, a estação meteorológica de Cervena reportou duas vezes o valor de 253 mm entre 21h e 00h, o que pode ser uma falha do pluviômetro. Caso confirmado, Florianópolis estaria então na terceira colocação.

Ciclone pode provovar temporais

Na próxima quinta-feira (24), há risco de temporais e vendavais no Estado. Segundo a Epagri/Ciram, deve haver raios, granizo e rajadas de vento que podem superar 100 km/h nas regiões Oeste e Meio-Oeste.

As demais regiões do Estado devem ser atingidas especialmente por pancadas isoladas de chuva com raios e ventos fortes, com rajadas de 60 a 80km/h.

Essa condição estará associada ao deslocamento de uma frente fria, ligada à formação de um ciclone extratropical na altura do Litoral do Uruguai. Também à influência do Jato de Baixos Níveis, responsável pelo transporte de ar úmido e quente da região Amazônica.

Os meteorologistas da Epagri/Ciram estão monitorando essa condição atmosférica e, se confirmada a previsão, será enviado um alerta nos próximos dias.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Tempo

Loading...