FOTOS: Temporais deixam rastro de estrago em Lages com chuvas previstas para o mês em 3 dias

Acumulados previstos de chuva para os próximos dias deve alcançar média mensal do mês; município está em alerta

As fortes chuvas registradas nesta madruga e manhã de segunda-feira (2) provocaram alagamentos, deslizamentos de terra e quedas de muros em Lages, na Serra de Santa Catarina. A Defesa Civil Municipal está em alerta para a previsão de temporais nos próximos dias.

Estão previstos mais temporais para essa segunda, terça e quarta-feira (4). O acumulado de chuvas deve superar 100 milímetros, volume muito significativo, segundo a Defesa Civil. A média mensal de chuvas para a região da Serra é de 120 milímetros.

Em apenas seis horas choveu um acumulado de 17mm - Defesa Civil de Lages/Divulgação/ND
1 6
Em apenas seis horas choveu um acumulado de 17mm - Defesa Civil de Lages/Divulgação/ND
Cerca de 108 pessoas foram atingidas, segundo contagem da Defesa Civil - Defesa Civil de Lages/Divulgação/ND
2 6
Cerca de 108 pessoas foram atingidas, segundo contagem da Defesa Civil - Defesa Civil de Lages/Divulgação/ND
Muro caiu em casa por conta das chuvas - Defesa Civil de Lages/Divulgação/ND
3 6
Muro caiu em casa por conta das chuvas - Defesa Civil de Lages/Divulgação/ND
Casa alagada após temporais - Defesa Civil de Lages/Divulgação/ND
4 6
Casa alagada após temporais - Defesa Civil de Lages/Divulgação/ND
Áreas de maior risco estão sendo monitoradas - Defesa Civil de Lages/Divulgação/ND
5 6
Áreas de maior risco estão sendo monitoradas - Defesa Civil de Lages/Divulgação/ND
Chuvas provocaram deslizamentos e alagamentos - Defesa Civil de Lages/Divulgação/ND
6 6
Chuvas provocaram deslizamentos e alagamentos - Defesa Civil de Lages/Divulgação/ND

O relatório da Defesa Civil de Lages, divulgado no fim da manhã desta segunda, mostra que choveu em apenas seis horas um acumulado de 17mm. De acordo com o secretário executivo da Defesa Civil, João Eduardo da Silva Pacheco, foram realizados 27 atendimentos no período.

Os bairros mais afetados até o momento são: Santa Catarina, Habitação, Vila Nova, São Luiz, Santa Helena, Novo Milênio, Araucária, Caça e Tiro, São Luiz e Bom Jesus.

“Nosso relatório aponta que os eventos adversos das chuvas das últimas horas já afetaram 108 pessoas em nosso município. Por enquanto, não foi necessária a ativação de abrigos”, detalha o secretário. Além disso, está sendo feita a desobstrução dos sistemas de drenagens pluviais, de rios, córregos e riachos.

Em caso de emergência, os moradores devem entrar em contato direto com a Defesa Civil Municipal nos telefones: 049 9 8406 4037 ou 199.

+

Últimas notícias

Loading...