FOTOS: vento chega a 80km/h e causa estragos no Sul de SC; confira

Casas foram destelhadas, árvores caíram e outras pequenas ocorrências foram registradas em Criciúma e Içara após uma rajada de vento com cerca de 80km/h atingir a região Sul de SC

Diversas casas foram destelhadas, árvores caíram e outras pequenas ocorrências foram registradas pela Defesa Civil na manhã desta terça-feira (14) no Sul de Santa Catarina. A região foi atingida por rajadas de vento que chegaram a 8o km/h.  As cidades afetadas foram Criciúma e Içara.

Em Criciúma, a Defesa Civil atendeu ao menos oito ocorrências, após os ventos. Foram registrados quatro destelhamentos parciais de casas, sendo duas na região da grande Santa Luzia e duas no bairro Argentina. Lonas foram distribuídas aos proprietários das casas.

Içara registrou o destelhamento de uma casa e queda de árvores após rajada de vento no Sul de SC – Foto: Divulgação/Defesa CivilIçara registrou o destelhamento de uma casa e queda de árvores após rajada de vento no Sul de SC – Foto: Divulgação/Defesa Civil

“Vento forte na nossa região ficou entre 70km/h à 80 km/h. Tivemos 35mm de chuva que não foi a problemática, não teve alagamento.  O que causou um pouco mais de estrago realmente foi o vento”, aponta o diretor da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec), Fred Gomes.

Além disso,  foram registradas quedas de árvores nos bairros Comerciário, Primeira Linha, Sangão, Argentina e Santa Luiza. Todas as árvores já foram retiradas dos locais.

“Tivemos ainda uma atendimento a um morador de rua que foi encaminhado para a Assistência Social, um poste de madeira que estava balançando muito e galhos de árvores na rede elétrica que foram passados à Celesc”, explica o diretor.

Segundo ele, quanto ao poste de madeira, a Defesa Civil foi até o local e constatou que não existe risco eminente de queda. Porém alertou a Celesc sobre o caso.

“Passou já o vento forte e a chuva mais forte foi em direção ao mar. A lógica é que seja mais tranquilo, mais próximo da normalidade daqui para frente. Mas a Defesa Civil segue em alerta”, comenta Fred.

O telefone de contato da Defesa Civil é o 199. Caso não se consiga através do número, quem tiver uma ocorrência em Criciúma pode ligar diretamente para o telefone: 3437-5342 ou entrar em contato através do Whatsapp: (48) 991629006.

Veja fotos dos estragos em Criciúma:

Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
1 9
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
2 9
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
3 9
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
4 9
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
5 9
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
6 9
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
7 9
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
8 9
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil
9 9
Ao menos quatro casas foram destelhadas e diversas quedas de árvores foram registradas em Criciúma - Divulgação/Defesa Civil

Fortes ventos causam prejuízos, também, em Içara

A Defesa Civil de Içara atendeu pequenas ocorrências causadas pelos ventos que causaram prejuízos nesta terça-feira (14). Um destelhamento de casa foi registrado no Loteamento Lima, além da queda parcial de uma árvore no bairro Aurora.

Na rua Rui Barbosa a chuva acabou ocasionando um alagamento pontual. Os rios dos anjos e dos porcos, que estão acima do nível normal, também estão sendo monitorados.

“São ocorrências simples, nenhum dano maior. Estamos na rua e pedimos caso a população tenha alguma situação de risco nos informem pelo telefone: 199”, disse o secretário da Defesa Civil de Içara, Vitor
Cardoso Dutra.

Já os trabalhadores do setor de serviços urbanos do município também estão nas ruas, principalmente na limpeza de bocas de lobo para evitar problemas maiores.

Conforme a Defesa Civil de Santa Catarina, a previsão para o longo desta terça-feira (14) é a atuação de uma frente fria que mantém a condição para chuva persistente em grande parte do estado no período da manhã. A região do Litoral Sul segue em observação.

Veja fotos das ocorrências registradas em Içara:

Na rua Rui Barbosa a chuva acabou ocasionando um alagamento pontual em Içara - Divulgação/Defesa Civil
1 6
Na rua Rui Barbosa a chuva acabou ocasionando um alagamento pontual em Içara - Divulgação/Defesa Civil
Na rua Rui Barbosa a chuva acabou ocasionando um alagamento pontual em Içara - Divulgação/Defesa Civil
2 6
Na rua Rui Barbosa a chuva acabou ocasionando um alagamento pontual em Içara - Divulgação/Defesa Civil
Içara registrou o destelhamento de uma casa e queda de árvores após rajada de vento no Sul de SC - Divulgação/Defesa Civil
3 6
Içara registrou o destelhamento de uma casa e queda de árvores após rajada de vento no Sul de SC - Divulgação/Defesa Civil
Içara registrou o destelhamento de uma casa e queda de árvores após rajada de vento no Sul de SC - Divulgação/Defesa Civil
4 6
Içara registrou o destelhamento de uma casa e queda de árvores após rajada de vento no Sul de SC - Divulgação/Defesa Civil
Defesa Civil de Içara monitora nível dos rios após chuva e fortes ventos no Sul de SC - Divulgação/Defesa Civil
5 6
Defesa Civil de Içara monitora nível dos rios após chuva e fortes ventos no Sul de SC - Divulgação/Defesa Civil
Içara registrou o destelhamento de uma casa e queda de árvores após rajada de vento no Sul de SC - Divulgação/Defesa Civil
6 6
Içara registrou o destelhamento de uma casa e queda de árvores após rajada de vento no Sul de SC - Divulgação/Defesa Civil
+

Tempo

Loading...