SC amanhece com temperaturas negativas em todas as regiões no dia mais frio do ano

Em Urupema, na Serra, os termômetros marcavam -8,92 °C por volta das 7h; a expectativa é de que as temperaturas caiam ainda mais

Santa Catarina amanheceu com temperaturas negativas em todas as regiões nesta sexta-feira (30), considerado o dia mais frio do ano. Em Urupema, na Serra, foi registrada a menor mínima de 2021, com -8,92°C por volta das 7h, segundo a Epagri/Ciram.

Estado registra temperaturas negativas em todas as regiões – Foto: Wagner Urbano/Divulgação/NDEstado registra temperaturas negativas em todas as regiões – Foto: Wagner Urbano/Divulgação/ND

A expectativa para sentir o ar gelado fez turistas acordaram cedo em Urubici. Por volta de 6h30, algumas pessoas posavam para fotografias em frente ao termômetro de rua no Centro da cidade, onde marcava -7°C. A sensação térmica era de -10°C.

Em Bom Jardim da Serra foi registrado -7,52°C -5,47°C em São Joaquim, ambas na Serra. Em Alfredo Wagner, estava -1,32°C na Grande Florianópolis às 6h. Já na Capital, os termômetros marcaram 1,66°C  no mesmo horário. Em Benedito Novo, no Vale do Itajaí, estava -1,71°C às 7h.

Em Maravilha, no Oeste do Estado, os termômetros marcaram -4,5°C. Em São Bento do Sul no Norte, foram registrados -4,74°C. Em Criciúma, no Sul, estava -0,9°C pela manhã.

Ana Cláudia e Pedro estavam cedo no Centro de Urubici para registrar a temperatura negativa – Foto: Maria Fernanda Salinet/NDAna Cláudia e Pedro estavam cedo no Centro de Urubici para registrar a temperatura negativa – Foto: Maria Fernanda Salinet/ND

O casal Ana Claudia e Pedro, de Joinville, chegaram em Urubici por volta de 3h30 da madrugada desta sexta. É a terceira vez que visitam a Serra catarinense. Quando souberam que “perderam a neve” ficaram decepcionados. “Viajamos para sentir o frio histórico”, contou Pedro.

Na estação particular do engenheiro-agrônomo Ronaldo Coutinho, na entrada de São Joaquim, foi registrado -10°C.

Conforme a Epagri/Ciram, não foi registrado neve no Estado devido à pouca umidade. “A condição já tinha sido descartada porque o tempo está muito seco”, explica o meteorologista Marcelo Martins. Houve geada ampla no Estado e as temperaturas devem cair ainda mais nas próximas horas.

+

Tempo

Loading...