SC tem alerta para temporais com raios, ventania e risco de enxurradas; veja as cidades

No Centro-Leste do Estado, a chuva ocorre em pancadas, que podem ficar mais fortes em um curto período de tempo acompanhadas de raios

A semana se encerra com o dia nublado e chuva em boa parte de Santa Catarina. Por volta das 9h desta sexta-feira (17), a Defesa Civil estadual emitiu um alerta para temporais isolados com raios, ventania e granizo.

SC tem alerta para temporais com raios, ventania e risco de enxurradas – Foto: Leo Munhoz/NDSC tem alerta para temporais com raios, ventania e risco de enxurradas – Foto: Leo Munhoz/ND

Essa condição se dá pela atuação de uma área de baixa pressão que deixa o tempo instável em Santa Catarina.

O alerta vale para as seguintes regiões: Meio-Oeste, Planalto Sul, Litoral Sul, Grande Florianópolis e Alto Vale do Itajaí. No Litoral Sul, os ventos podem chegar aos 60 km/h.

Veja no mapa as cidades com alerta para temporais:

Defesa Civil alerta para temporais – Foto: Defesa Civil de SC/Divulgação/NDDefesa Civil alerta para temporais – Foto: Defesa Civil de SC/Divulgação/ND

No Centro-Leste do Estado, a chuva ocorre em pancadas, que podem ficar mais fortes em um curto intervalo de tempo acompanhada de raios. Nessa área, o risco é moderado a alto para ocorrências associadas à chuva como alagamentos, deslizamentos e enxurradas.

E a chuva não para por aí. Até a manhã de sábado (18), a condição é de chuva pontualmente intensa, com volumes altos em um curto período de tempo. Entre o Extremo-Oeste e Oeste, a chuva vem em forma de temporais, com risco moderado para ocorrências.

Nas áreas em laranja do mapa, os acumulados podem passar dos 100 mm, com risco alto para alagamentos, enxurradas e deslizamentos.

Veja no mapa as regiões com chuvas fortes entre sexta e sábado:

Defesa Civil alerta para temporais – Foto: Defesa Civil de SC/Divulgação/NDDefesa Civil alerta para temporais – Foto: Defesa Civil de SC/Divulgação/ND

Diante desse cenário, para evitar acidentes com descargas elétricas, a Defesa Civil recomenda que o cidadão busque um local abrigado, longe de árvores, placas e postes de energia. Deve-se ficar longe de janelas e os aparelhos eletrônicos devem ser desligados.

Para se proteger de inundações e alagamentos, a pessoa deve evitar o contato com as águas e não dirigir em locais alagados; evitar transitar em pontilhões e pontes submersas e cuidar com crianças próximas a rios ou ribeirões.

Com relação aos deslizamentos de terra, a pessoa deve ficar atenta à inclinação de postes e árvores; qualquer movimento de terra próximo à residência; aparecimentos de rachaduras em paredes ou muros.

+

Tempo

Loading...