VÍDEO: Meteoros de longa duração são registrados em SC

Segundo o astrônomo Jucimar Justino, da Rede Brasileira de Monitoramento de Meteoros, o brilho das rochas também se destacou no céu catarinense

A noite de domingo (22) foi especialmente bela para os catarinenses que conseguiram observar dois meteoros de longa duração no céu. Eles foram registrados com quatro horas de diferença na estação de monitoramento de Monte Castelo, Planalto Norte de Santa Catarina.

Meteros registrados em Monte Castelo (SC)Meteoros foram registrados no domingo (22) – Foto: Jocimar Justino/Divulgação/ND

O trajeto do primeiro meteoro, que começou às 19h52, durou cerca de 3 segundos. A expectativa é de que o brilho tenha iniciado a uma altitude de 95 km, sobre Curitibanos, no Meio-Oeste do Estado, e tenha desaparecido a uma altitude de 79 km, em Pinhal da Serra (RS).

A velocidade observada foi de aproximadamente 29,4 km/s, o que equivale a pouco mais de 105 mil km/h.

Embora a duração da segunda ocorrência, às 23h44, tenha sido de 2,5 segundos, chamou a atenção do astrônomo Jucimar Justino, que opera a estação de Monte Castelo, o brilho intenso da rocha, que começou a uma altitude de 94 km sobre Correia Pinto, no Planalto Serrano, e terminou a 45 km sobre Campo Belo do Sul, na Serra catarinense.

“A velocidade aproximada deste foi de 26,8 km/s ou pouco mais de 96 mil quilômetros por segundo”, informou Justino.

Meteros registrados em Monte Castelo (SC)Brilho e duração foram as características marcantes do fenômenos – Foto: Jocimar Justino/Divulgação/ND

De acordo com o astrônomo, que também é membro da Bramon (Rede Brasileira de Monitoramento de Meteoros), não é possível afirmar que o fenômeno pertence a uma chuva de meteoros específica, já que as câmeras do Norte do Estado teriam sido as únicas que fizeram o flagrante.

“Para ter certeza, seria necessário fazer o pareamento e triangulação dos dados com outra estação de monitoramento distante a pelo menos 25 km da minha”, explicou Justino. “Quando há pareamentos é possível fazer uma projeção da órbita que o objeto tinha antes de entrar na atmosfera terrestre”, complementa.

Veja o vídeo:

Registro foi feito na estação de Monte Castelo, no Planalto Norte de SC – Vídeo: Jocimar Justino/Divulgação;ND

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Tempo

Loading...