Atendente de pedágio morre após ser atingida por carreta descontrolada, em Correia Pinto

Ana Márcia da Luz Basto, 34 anos, era funcionária no pedágio da Autopista Planalto Sul

Uma mulher morreu tarde de terça-feira (13) após ser atropelada por uma carreta enquanto trabalhava no pedágio da Autopista Planalto Sul, em Correia Pinto. Ana Márcia da Luz Bastos, 34 anos, era funcionária da empresa Florenge Tecnologia, empresa que presta serviço à concessionária da BR-116. A jovem estava em uma guarita que foi atingida por uma carreta descontrolada.

Conforme a PRF, Sebastião Alves de Jesus, 76 anos, transportava uma carga de pallets em carreta Scania com placas de Lages quando passou mal e perdeu o controle do veículo. O caminhão acabou se chocando contra uma guarita de cobrança do pedágio, que foi arremessada contra atendente, que tentou fugir.

O caminhoneiro fez teste do bafômetro e obteve resultado negativo. Alguns minutos antes do acidente, a PRF recebeu denúncias de que uma carreta fazia zigue-zague na pista e era conduzida de forma descontrolada. Minutos após, eles foram chamados para atender o acidente na praça de pedágio.

*Com informações do repórter cinematográfico Jatir Lima

+

Trânsito