Buscas no Google indicam vinda de turistas em massa para SC no feriadão de SP e RJ

Pesquisa por praias e pousadas registraram crescimento maior que 100% na tarde desta sexta (26); todos devem seguir as regras

Com o início do feriadão prolongado decretado em São Paulo e no Rio de Janeiro, com o objetivo de reduzir a circulação de pessoas e controlar a pandemia da Covid-19, a pesquisa por praias e pousadas em Santa Catarina esteve presente entre as palavras mais pesquisadas na internet na tarde desta sexta-feira (26).

Trânsito na BR-101Buscas no Google indicam vinda de turistas em massa no feriadão de SP e RJ – Foto: Leo Munhoz/ND

Assim como o ND+ já havia alertado, a adoção do feriado prolongado nesses Estados aliada ao fato de o governo catarinense afrouxar algumas medidas, pode ocasionar uma busca pelo litoral catarinense. O Governo de Santa Catarina permite o acesso às praias “para a prática de esportes”, mas desde que a pessoa use máscara.

Em consulta realizada no Google Trends, por volta das 16h, a pesquisa pelo Hotel Fazenda Dona Francisca, localizado em Joinville, aparecia em 5ª posição, com um aumento maior que 400% nas últimas quatro horas.

O local também esteve presente na 16ª posição entre os mais buscados, com crescimento de 70%, na última quinta-feira (25).

Praias

Ainda entre as 10 expressões mais consultadas está “melhores praias de Santa Catarina”, o que mostra o interesse no litoral catarinense. O termo registrou uma ascensão de 30% nas pesquisas das últimas quatro horas.

A Praia do Pinho, em Balneário Camboriú, aparece como a 18ª na pesquisa, com um crescimento maior que 100%.

Veja ao vivo os termos mais pesquisados nas últimas horas

Adequação às regras

O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés (PSL), confessou, nesta sexta-feira (26), que existe a possibilidade da entrada de pessoas vindo de São Paulo e Rio de Janeiro, mas que “terão que se adequar às regras”.

“Nós estamos conversando com os governos vizinhos para a possibilidade de medidas sanitárias conjuntas para saber como elas estão chegando e intensificar as medidas”, explicou o governador enquanto cumpria agenda em Joinville, no Norte do Estado.

Conforme o inspetor da PRF (Polícia Rodoviária Federal), Adriano Fiamoncini, até o meio da tarde desta sexta-feira (26), o fluxo na BR-101, principal via de acesso ao Estado, estava normal para o dia da semana.

Veja as medidas adotadas em SP e RJ

Começa nesta sexta-feira (26) em todo o Estado do Rio de Janeiro e na capital paulista um feriado prolongado de 10 dias adotados como forma de reduzir a circulação de pessoas para combater o agravamento da pandemia. A medida se estende até o dia 4 de abril.

Segundo o Portal R7, nas cidades do Rio de Janeiro e Niterói, a partir desta sexta-feira (26), apenas serviços essenciais estarão autorizados. Em todo o Estado do Rio de Janeiro, o banho de mar e a permanência nas praias estão proibidos.

Apenas a prática de atividade física individual nas praias e na orla está permitida. Os municípios estão autorizados a instalar barreiras sanitárias nas rodovias para controlar a entrada de visitantes.

Na cidade de São Paulo, escolas, bancos e parques estarão fechados durante todo o período do feriado prolongado – entre esta sexta (26) e o dia 4 de abril. Na cidade de São Paulo, todos os serviços de saúde estarão abertos durante o feriado, assim como os serviços de assistência social.

Assim como na capital paulista, os prefeitos dos municípios do ABC Paulista, na Grande São Paulo, também decidiram antecipar feriados. Porém, na região, o período começa neste sábado (27) indo até 4 de abril.

As cidades da Baixada Santista, no litoral paulista, entraram em regime de lockdown por 13 dias, na última terça-feira (23). Haverá, nos nove municípios da região, uma força-tarefa com a Polícia Militar e a Guarda Civil Municipal para fiscalizar a circulação de pessoas e veículos.

+

Trânsito