Caminhão com nitrato de amônio tomba em SC; produto gerou explosão em Beirute

Veículo tombou na SC-390 entre Peritiba e Ipira; a rodovia precisou ser totalmente bloqueada nesta segunda-feira (5)

Um caminhão carregado de nitrato de amônio, um material altamente explosivo, tombou na manhã desta segunda-feira (5), na SC-390 no trecho entre os municípios Peritiba e Ipira, no Oeste de Santa Catarina.

O material é o mesmo que causou a explosão que dizimou parte de Beirute, no Líbano, feriu milhares e matou ao menos 100 pessoas, em agosto de 2020. O armazém onde o fogo começou continha cerca de 2.700 toneladas de nitrato de amônio guardadas de forma irregular e sem fiscalização. A cidade de Joinville, no Norte, também já foi evacuada por explosão semelhante.

Caminhão tombou entre Peritiba e Ipira com material explisivoCaminhão tombou na manhã desta segunda-feira (5) – Foto: PMRv/Divulgação/ND

Por se tratar de um produto altamente perigoso, a ocorrência conta com a ação do CBMSC (Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina), DC (Defesa Civil), PMRv (Polícia Militar Rodoviária) e PMA (Polícia Militar Ambiental). As equipes trabalharam no local até o fim da tarde e o trânsito foi interrompido para evitar riscos.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, houve vazamento de pouco de produto na beira da pista. O material foi recolhido pelo IMA (Instituto do Meio Ambiente) e da Plural ambiental de Erechim (RS).

Além da carga de nitrato de amônio, o caminhão também tinha um carga de explosivos de demolição e detonadores montados não elétricos, que segundo o proprietário informou aos bombeiros, seriam utilizados em uma pedreira de Piratuba. A empresa proprietária do caminhão trabalha com detonação de rochas.

Um caminhão reboque se deslocou para carregar o caminhão tombado e levá-lo para a empresa responsável, que não teve o nome informado. Houve também vazamento de óleo do caminhão que foi retirado da pista.

O motorista sofreu ferimentos leves e foi encaminhado ao hospital de Peritiba.  Conforme os bombeiros, o motorista informou que descia a rodovia  devagar e a carga estava pela metade. Ao chegar na curva a carga pendeu o caminhão, ele tentou corrigir no volante mas não conseguiu e acabou tombando.

Produto altamente perigoso

O comandante da PMA de Concórdia, Ivan Carlos Batista, informou que ainda não sabe se a carga era de nitrato de amônio original ou já alterado. Segundo ele, é um produto bastante utilizado na agricultura como fertilizante.

Caminhão tombou entre Peritiba e Ipira com material explisivoCorpo de Bombeiros atua na ocorrência. – Foto: PMRv/Divulgação/ND

“O nitrato de amônio é uma das cargas mais perigosas porque tem um potencial explosivo e de impacto ao meio ambiente bastante severo”, explicou.

O material pode ocasionar grandes explosões e tem a taxa de toxicidade bastante elevada.  “Se chegar a atingir nascentes, por exemplo, é necessário que seja suspenso o consumo da água daquele local por um determinado período”, acrescentou o comandante.

Batista esclareceu que o nitrato por si só não é explosivo, apenas quando é aquecido a partir de temperaturas em torno de 200 a 220 graus célsius. A preocupação, segundo ele, no caso do caminhão, é minimizar os impactos ambientais, uma vez que, em geral, o transporte desses materiais é feita dentro das normas de segurança estabelecidas.

Veja fotos:

PMA também trabalha na ocorrência - PMRv/Divulgação/ND
1 3

PMA também trabalha na ocorrência - PMRv/Divulgação/ND

Caminhão estava carregado de nitrato de amônio - PMRv/Divulgação/ND
2 3

Caminhão estava carregado de nitrato de amônio - PMRv/Divulgação/ND

Acidente ocorreu entre Peritiba e Ipira - PMRv/Divulgação/ND
3 3

Acidente ocorreu entre Peritiba e Ipira - PMRv/Divulgação/ND

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.

+

Trânsito