Carro capota, cai em barranco com 15 metros e deixa oito feridos em Nova Itaberaba

Entre as vítimas estão quatro crianças. Após atendimento dos bombeiros, todos foram encaminhados para o Hospital de Nova Erechim

Oito pessoas ficaram feridas em um acidente de trânsito na BR-282, na ponte sobre o Rio Chapecó, no município de Nova Itaberaba, no Oeste de Santa Catarina. O capotamento ocorreu por volta das 23h da noite de terça-feira (28). Após capotar, o carro caiu cerca de 15 metros.

Carro após acidente de trânsitoTodas as oito vítimas foram encaminhados para o Hospital de Nova Erechim. – Foto: Corpo de Bombeiros/ND

O Corpo de Bombeiros Militar de Pinhalzinho, Modelo e Saudades, foram acionados para atender as vítimas. Das sete pessoas que estavam no carro, quatro eram crianças e três adultos. Após avaliações feitas no local, todos foram encaminhados para o Hospital de Nova Erechim.

As vítimas

Entre as vítimas estavam uma menina de cinco anos e outra de dois anos, com escoriações no rosto e queimaduras de primeiro grau. A criança de dois anos estava no colo da mãe quando a guarnição chegou.

As outras duas crianças, um menino de quatro anos e uma menina de cinco meses, também foram atendidos, eles estavam bem, sem ferimentos ou fraturas aparentes. A bebê de cinco meses estava no colo da mãe quando chegaram os bombeiros.

Uma mulher de 23 anos e outra de 22 anos, também estavam no banco traseiro, ambas conscientes e orientadas e sem fraturas aparentes, conforme avaliação dos bombeiros no local.

O motorista do veículo, um homem de 21 anos, relatou ter dor na lombar e apresentava algumas escoriações. O homem contou que saiu do carro sozinho e retirou todos do veículo, incluindo as crianças, pois ficou com medo de que o carro pegasse fogo em função do vazamento de combustível.

No veículo estava também um homem de 26 anos, ele reclamava de dor nas costas. Após avaliação ele foi imobilizado e com auxílio de um guincho, foi puxado até a via onde estavam as viaturas de atendimento.

O motorista do veículo contou aos bombeiros que tomou a atitude de retirar todos do carro, pois tinha conhecimentos de primeiros socorros. Ele contou que trabalhava como paramédico em seu país de origem, a Venezuela.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Trânsito

Loading...