Prefeitura reage aos caos no trânsito e anuncia intervenções para garantir mobilidade

Contratação de agentes da Guarda Municipal, revisão das lombadas, licitação para contratação de guinchos e intervenções no sistema viário estão entre as medidas anunciadas.

Depois de mais um dia de caos no trânsito de Florianópolis provocado pela quebra de um micro-ônibus na SC-401, o prefeito Gean Loureiro anunciou medidas para tentar resolver os problemas de mobilidade. Contratação de agentes da Guarda Municipal, revisão das lombadas, licitação para contratação de guinchos e intervenções no sistema viário estão entre as medidas anunciadas.

Gean Loureiro anunciou medidas para resolver os principais problemas do trânsito da Capital – Foto: Cristiano Dalcin/ND

O anúncio foi feito durante coletiva que tratou dos serviços de restauração da avenida Ivo Silveira e de ruas de Canasvieiras. De acordo com o prefeito, a prefeitura terá coragem para enfrentar os problemas. “Estamos primeiro dando a cara para bater porque somente nós falamos sobre o assunto trânsito na cidade. Mas vamos fazer uma série de intervenções e se tiver que derrubar canteiro da avenida Beira Mar Norte, vamos derrubar”, declarou.

Leia também:

O prefeito disse também que acessos das principais vias podem ser fechados para beneficiar o fluxo do trânsito e citou a Avenida Madre Benvenuta (Bairro Santa Mônica) como exemplo. “Os interesses individuais não podem estar acima dos interesses da cidade”, definiu.

Segundo Loureiro, já foi autorizada a contratação de mais agentes para atuar na Guarda Municipal. O prefeito também disse ter conversado com o comando da Polícia Rodoviária Estadual (PMRv) para ter mais patrulheiros monitorando a SC-401, com objetivo de aumentar a média de velocidade da rodovia, hoje de 40 quilômetros/hora em alguns pontos.

Outra situação levantada por Loureiro é a revisão do número de lombadas na cidade. “A partir de agora vamos construir apenas lombo faixas. Existem mais de mil pedidos de lombadas na cidade”, revelou. Outra medida anunciada trata da licitação do serviço de guinchos, que terá duas modificações no contrato. A primeira exigência é a obrigação do recolhimento de carros abandonados que obstruem vias da cidade. A segunda a inclusão de mais dois guinchos para ficarem à disposição em locais considerados estratégicos.

+

Trânsito