‘Legado de amor e amizade’: vítimas de tragédia no Morro do Boi, em BC, são sepultadas

Dois casais morreram ao serem atingidos por uma carreta carregada de madeira que tombou na manhã de domingo (6)

Ivan Antonio Belusso, de 40 anos, e Suellen Schveitezer Belusso, de 36 anos, duas das vítimas do trágico acidente que matou quatro pessoas no Morro do Boi, em Balneário Camboriú na manhã de domingo (6), foram velados e enterrados na tarde desta segunda-feira (7).

O casal estava de bicicleta no acostamento da pista quando o acidente aconteceu. Amigos e familiares participaram da cerimônia de sepultamento. Eles foram velados na igreja que frequentavam, em Camboriú, e enterrados no Cemitério Parque dos Crisântemos, em Itajaí.

Ivan e Suellen foram sepultados em Itajaí – Foto: Paulo Metling/NDTVIvan e Suellen foram sepultados em Itajaí – Foto: Paulo Metling/NDTV

“Eles deixam um legado de amor e amizade”, afirmou um dos amigos do casal, Sandro Murilo Coelho. Ele e a esposa, Jussara Ávila, conheciam o casal há pouco tempo, mas a saudade é grande.

“Ninguém está preparado para perder ninguém”, reflete Jussara. “O que nos conforta é que, agora, eles estão com Deus”, finaliza.

Ivan e Suellen eram ativos na Igreja Adventista, e haviam começado a pedalar recentemente. O primo de Suellen, Darlan Schveitezer, conta que as bicicletas foram compradas a menos de um mês. “A família está despedaçada, destruída”, comenta.

Ivan era natural de Maravilha, no Oeste do Estado, e Suellen era de Itajaí, mas atualmente moravam em Balneário Camboriú. O casal deixou três filhos.

Segundo casal

Francielin Sperandio, de 22 anos, e Alan Leodoro, de 26 anos, estavam uma Honda CG 125 e morreram no local do acidente. Ambos moravam em Balneário Camboriú.

‘Legado de amor e amizade’: casal vítima de tragédia no Morro do Boi é enterrado em Itajaí – Foto: Paulo Metling/NDTV‘Legado de amor e amizade’: casal vítima de tragédia no Morro do Boi é enterrado em Itajaí – Foto: Paulo Metling/NDTV

Trecho perigoso

Agora, a família pede por justiça e por melhorias no trecho, que há duas semanas ficou completamente interditado devido a outro acidente. Dois carros teriam batido em um caminhão.

Só em 2020, entre os km 138 e 142, entre Balneário Camboriú e Itapema, no sentido Norte-Sul, a PRF (Polícia Rodoviária Federal) registrou 47 acidentes, nos quais 42 pessoas ficaram feridas e uma morreu.

O acidente

Dois ciclistas e dois motociclistas morreram no acidente. Uma carreta carregada de madeira que subia o Morro do Boi tombou e acabou atingindo as quatro vítimas.

Segundo informações da Arteris Litoral Sul, o tombamento ocorreu por volta das 6h40 no km 138,7. O motorista da carreta, um homem de 48 anos, não teve ferimentos.

*Com informações do repórter Paulo Metling, da NDTV

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Itajaí e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Trânsito