Ultrapassagens quase terminam em tragédia em Chapecó; VÍDEO

Comandante do 2° Batalhão de Polícia Militar Rodoviária, major Carmiliano Amarante comenta sobre cenas flagradas com frequência

A imprudência no trânsito segue sendo um fato cotidiano da realidade de Santa Catarina. Um flagrante de irresponsabilidade no volante foi registrado na tarde de terça-feira (30), na SC-480, em Chapecó, no Oeste do Estado.

Ultrapassagem quase termina em tragédia em Chapecó – Foto: Reprodução/NDUltrapassagem quase termina em tragédia em Chapecó – Foto: Reprodução/ND

As imagens recebidas pela reportagem mostram um carro prata andando pela rodovia estadual em direção a área central do município. Na sequência, conforme o vídeo, o motorista invade a pista contrária e força uma ultrapassagem em um trecho de pista dupla. 

Durante a manobra arriscada, o carro encontra outro veículo no caminho, mas mesmo assim, o motorista conclui a ultrapassagem e retorna para a pista de direção.

Se não bastasse a primeira irresponsabilidade, o motorista ainda forçou outra ultrapassagem no mesmo trecho.  “Olha só gente, é o fim da picada, um cara desse teria que perder a carteira”, diz uma testemunha no vídeo.

A imprudência no trânsito poderia ter terminado em tragédia. Como mostra o vídeo, os motoristas dos dois carros que seguiam em direção ao Rio Grande do Sul chegam a sair parcialmente da rodovia para desviar do motorista e evitar um acidente. 

O trecho é fiscalizado pela PMRv (Polícia Militar Rodoviária Estadual) que recentemente instalou um posto móvel, a cerca de 7 km do local. A unidade disse que não identificou o motorista. 



Fiscalização 

Cenas como essa de ultrapassagens em faixa dupla são comuns na região, segundo o major Carmiliano Amarante, comandante do 2° Batalhão de Polícia Militar Rodoviária, em Ibicaré (SC).

Para evitar esse tipo de imprudência e punir os motoristas infratores, a polícia realiza fiscalizações nas rodovias com apoio de drones.

Ultrapassagens em locais proibidos são comuns nas rodovias da região Oeste de Santa Catarina – Foto: PMRv/DivulgaçãoUltrapassagens em locais proibidos são comuns nas rodovias da região Oeste de Santa Catarina – Foto: PMRv/Divulgação

“Infelizmente essa é uma infração comum e é típica que demonstra o desrespeito com a legislação. Nesse caso, o condutor coloca em perigo não só ele como as pessoas que estão no sentido contrário”, comenta o major.

No início deste ano, a PMRv (Polícia Militar Rodoviária Estadual) registrou mais de 50 autuações por ultrapassagem em local proibido. As imagens foram flagradas com ajuda de drone.

Segundo o comandante, a multa por ultrapassar em local proibido é de R$ 1.467,35 além de sete pontos da CNH (Carteira Nacional de Habilitação). Em caso de forçar ultrapassagem, a multa é de R$ 2.934,70 e suspensão da habilitação. 

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.

+

Trânsito