VÍDEO: ultrapassagem perigosa é flagrada em rodovia de SC

Polícia Militar Rodoviária parou o motorista no km 208 da SC-114 em Palmeira, na Serra Catarinense; infração é considerada gravíssima

Uma ultrapassagem perigosa foi flagrada pela PMRv/SC (Polícia Militar Rodoviária de Santa Catarina) na tarde desta terça-feira (30), no km 208 da SC-114, em Palmeira, na Serra Catarinense. O trecho faz ligação com o município de Lages e frequentemente são registradas imprudências no trânsito.

Flagra ocorreu na tarde desta terça-feira (30). – Foto: Reprodução/InternetFlagra ocorreu na tarde desta terça-feira (30). – Foto: Reprodução/Internet

Nas imagens é possível ver quando uma caminhonete ultrapassa uma fila de veículos onde a manobra é proibida. O limite de velocidade na rodovia é de 80 km/h e, segundo a PMRv, os motoristas extrapolam essa velocidade para ultrapassar, aumentando o risco de acidentes. A velocidade que o motorista estava não foi informada pela polícia.

Conforme o 2º sargento Enio de Jesus Meurer, comandante do 11º Grupo da PMRv, os flagras de ultrapassagens variam, mas diariamente são cerca de 3 a 4 horas de fiscalizações, podendo chegar até 8 horas diárias de fiscalizações.

“Por dia, normalmente, são flagrados de 8 a 16 ultrapassagens; Por semana são entre 80 a 120 ultrapassagens e mensalmente esse número chega a 400 ultrapassagens, dependendo do tempo diário de fiscalização”, explicou Meurer.

Imprudência que leva a acidentes

Desde o dia 1º de janeiro de 2021 até o dia 30 de novembro ocorreram 69 acidentes de trânsito na área de abrangência do 11º Grupo da PMRv, que compreende a SC-114, SC-390, SC-452 e SC 120. Nos meses de agosto e setembro os acidentes resultaram apenas em danos materiais. Já nos demais meses houveram vítimas que variariam de leves a graves e até a mortes.

Segundo o comandante, o mês de novembro foi o que mais registrou acidentes com o total de oito vítimas leves e duas graves. Ao todo foram registradas três mortes nas rodovias de abrangência do 11º Grupo da PMRv.

“O trecho que ocorreu a ultrapassagem irregular é de faixa continua extensa. Se trata de um local com registro de vários acidentes onde também existe ponte, lombada e no final uma curva, além de algumas casas e a entrada de um haras. Esse não é o único motivo da causa de acidentes, mas com certeza aumenta os riscos por se tratar de uma infração”, salientou Meurer.

Assista ao flagrante:

Polícia Militar Rodoviária flagrou a imprudência. – Vídeo: PMRv/Divulgação/ND

Infração gravíssima

De acordo com o art. 203 do CTB (Código de Trânsito Brasileiro),  ultrapassar na contramão outro veículo “onde houver marcação viária longitudinal de divisão de fluxos opostos do tipo de linha dupla contínua amarela” é uma infração gravíssima com penalidade de 7 pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

O art. 191 do CTB, informa que forçar ultrapassagem entre veículos que estejam prestes a se cruzar transitando em sentidos opostos, é uma infração gravíssima. Sua multa é multiplicada por até 10 vezes e a suspensão da CNH é penalidade prevista para ela.

“O valor da multa por ultrapassagem em faixa contínua é de R$1.467,35. A alta quantia deve-se ao fato de que esta infração é gravíssima com grau multiplicador. Em caso de reincidência em um período de 12 meses, o valor da multa é dobrado. Ou seja, ela passa a custar R$2.934,70”, pontuou o comandante.

Conscientização

Além das fiscalizações, a PMRv também trabalha com a prevenção dessas infrações. De acordo com o comandante, exista uma equipe com uma escolinha no município de Painel que faz o trabalho de divulgação do CTB em empresas e escolas da região.

“Também divulgamos na imprensa e fazemos recomendações de cuidados ao se fazer uma viagem com vários vídeos na imprensa e mídias sociais”, acrescentou.

+

Trânsito

Loading...