Aeroporto de Chapecó teve queda de 56,32% de passageiros

Comparação é em relação aos seis primeiros meses de 2019; motivo da queda é a restrição da pandemia da Covid-19 que também resultou na redução de voos

A pandemia da Covid-19 reduziu em 56,32% o número de passageiros que embarcam e desembarcam no Aeroporto Serafim Enoss Bertaso, em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina. O comparativo é em relação ao primeiro semestre de 2019 e de 2020. Em 2019, de janeiro a junho, passaram pelo aeroporto 262.075, enquanto em 2020 o número foi de 114.482 passageiros. 

Pandemia ocasionou alteração nos horários dos voos – Foto: Reprodução/Ravena Rosa/Agência BrasilPandemia ocasionou alteração nos horários dos voos – Foto: Reprodução/Ravena Rosa/Agência Brasil

A redução no número de passageiros, também alterou os horários dos voos. No momento apenas três companhias aéreas operam em Chapecó: LATAM, Gol e Azul. 

A Azul conta com quatro voos semanais, um pela manhã e outro pela tarde, a Gol tem dois voos diários e a LATAM possui dois voos diários, geralmente de manhã e à tarde. 

De acordo com a Prefeitura de Chapecó, não é possível saber o horário e dia da semana exatos de nenhum dos voos, pois as companhias alteram com frequência em decorrência das alterações no fluxo de passageiros. Os dias e horários de voos podem ser conferidos diretamente nas companhias aéreas. 

Cuidados

As medidas de segurança seguem sendo cumpridas conforme prevê a legislação e as orientações da Secretaria Municipal de Saúde. A medição de temperatura, tanto no embarque quanto no desembarque dos passageiros, é feita pela equipe dos bombeiros do aeroporto. 

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Transportes