Trabalhadores do transporte público protestam mais uma vez em Florianópolis; entenda

Profissionais reivindicam pagamento de rescisão a ex-funcionários da Biguaçu Transportes

Trabalhadores do transporte público da Grande Florianópolis protestaram na madrugada desta segunda-feira (7), em frente à garagem da empresa Biguaçu Transportes Coletivos, no bairro Estreito, na Capital. A reivindicação é referente à rescisão que ainda não foi paga aos ex-funcionários.

Trabalhadores do transporte público da Grande Florianópolis protestam na madrugada desta segunda-feira (7) – Foto: Divulgação/NDTrabalhadores do transporte público da Grande Florianópolis protestam na madrugada desta segunda-feira (7) – Foto: Divulgação/ND

Segundo um dos trabalhadores, apesar do tempo, o protesto foi importante para a categoria. “Muito frio, chuva. Muita gente não compareceu, mas representaram”, disse. Cerca de 15 pessoas estiveram na manifestação até as 7h.

De acordo com Leo Mauro Xavier Neto, diretor-executivo da Biguaçu, a manifestação foi pacífica e sem grandes prejuízos. “Nós entendemos as reivindicações dos ex-funcionários. De fato, eles não receberam a rescisão por conta da recuperação judicial, que por força de lei é impedida de fazer os acertos dentro desse processo”, afirmou.

“É uma questão jurídica e técnica. Existiram outros desligamentos após a recuperação judicial e estão sendo cumpridos. A grande maioria está recebendo.”

No entanto, o diretor não soube dizer quantos funcionários ainda faltam receber nem dar uma previsão de quando o pagamento será realizado.

Outras manifestações

Essa é o segundo protesto de trabalhadores do transporte público da Grande Florianópolis em uma semana. Na última terça-feira (1º), trabalhadores da empresa de transporte Canasvieiras, de Florianópolis, fecharam uma garagem da companhia.

Os profissionais também reivindicaram as rescisões dos trabalhadores demitidos. Ao todo, segundo o grupo, cerca de 1.200 funcionários foram desligados desde o início da pandemia.

No dia 28 de maio, os trabalhadores já haviam realizado protestos no local. Na ocasião, foram afetadas as linhas das regiões Norte, Leste, Centro e Bacia do Itacorubi.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Transportes